Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 28 de Fevereiro de 2024

Sidrolandia

Presidente da OAB/MS coordena banca recursal do Exame Nacional do Ordem

A aprovação no Exame da Ordem é requisito necessário para a inscrição nos quadros da OAB como advogado, conforme estabelece o artigo 8º, IV, da Lei 8.906/1994.

OAB/MS

26 de Fevereiro de 2013 - 16:00

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), coordena, nos dias 27 e 28 de fevereiro, no Rio de Janeiro (RJ), a banca recursal da segunda fase do IX Exame Nacional da Ordem. Nessa fase, os alunos, que fizeram a prova no último dia 24, redigiram uma peça profissional e responderam questões sob a forma de situações-problema.

“Nossa participação demonstra o reconhecimento pela preocupação e empenho da nossa Seccional na realização da prova ao longo desses anos”. Para ele, além de comprovar a eficácia da avaliação, “traz a OAB para um importante papel dentro desse processo de avaliação".

Estavam aptos para a segunda fase, 19.134 candidatos que obtiveram aprovação na prova objetiva. A prova prático-profissional da segunda etapa contou com a redação de uma peça profissional com validade de cinco pontos e responder a quatro questões sob a forma de situações-problema, nas áreas de Direito Administrativo, Civil, Constitucional, Empresarial, Penal, Trabalho ou Direito Tributário e seu correspondente direito processual. Cada questão teve validade de 1,25 pontos. A divulgação do resultado preliminar está prevista para 22 de março.

Exame da Ordem – Para participar do Exame do Ordem, o candidato precisa ter o título de bacharel em Direito, ainda que pendente apenas a sua colação de grau e formado em instituição regularmente credenciada. Estudantes de Direito do último ano ou do nono e décimo semestres também podem participar. A aprovação no Exame da Ordem é requisito necessário para a inscrição nos quadros da OAB como advogado, conforme estabelece o artigo 8º, IV, da Lei 8.906/1994.