Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 19 de Abril de 2021

Sidrolandia

Racionamento de luz pode acontecer no ano que vem 2015

Como o período das chuvas está surgindo crescentemente, o racionamento pode não ser dado imediatamente

Reuters

28 de Outubro de 2014 - 07:08

Consultores especializados no setor elétrico acreditam que um racionamento de energia em 2015 é mais provável do que neste ano. Eles consideram as recentes previsões de chuva, que indicam que o nível dos reservatórios das hidrelétricas do Sudeste deve começar o ano que vem com dificuldades, pior do que a situação de racionamento no início de 2001.

Como o período das chuvas está surgindo crescentemente, o racionamento pode não ser dado imediatamente. De acordo com a reportagem se a chuva vier dentro da média histórica para o período, um racionamento em 2015 será necessário. "O risco é muito maior que no ano passado. Neste ano, as térmicas conseguiram gerenciar o problema. Ano que vem, se passarmos por isso de novo (nível de represas caindo no mesmo ritmo que no último período úmido), as térmicas não dão mais conta", disse o diretor da consultoria Excelência Energética, Erik Rego, à agência. 

Apenas o Sul do país está recebendo chuvas acima da média, mas quem precisa mesmo é a região Sudeste, onde fica o principal parque gerador de hidroeletricidade.

Analistas também afirmam que, se o cenário de baixas chuvas persistir, o Brasil não terá condições de passar pelo próximo período de estiagem, em abril, sem ter que reduzir o consumo energético.

As represas no Sudeste/Centro-Oeste apresentam um nível em 19,8% em outubro, pior do que o verificado no final de 2001, ano do racionamento, e também pior do que em 2000, período pré-racionamento.