Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 27 de Janeiro de 2022

Sidrolandia

Segurança na escola é discutida com Corel Muniz e novo comando da PM

O Tenente Coronel, Holivaldo de Jesus tribuiu a situação ao um conjunto de situações que devem ser analisadas no contexto da segurança pública

Marcos Tomé/Região News

28 de Abril de 2011 - 13:46

Segurança na escola é discutida com Corel Muniz e novo comando da PM
Seguran - Foto: Marcos Tom

Representantes das Escolas Municipais e Estaduais, Polícia Militar, Poder Legislativo e do Conselho de Segurança do município de Sidrolândia, reuniram-se logo após cerimonia do Dia Internacional da Educação realizada na Escola Estadual Sidrônio Antunes de Andrade para traçar estratégias com objetivos de inibir a violência escolar.

A comunidade cobrou a volta do policiamento motorizado, rondas ostensivas nas imediações das unidades de ensino em horário de aulas, principalmente, na entrada e saída de alunos. Segundo a professora Marcia Bordgnon, há casos de ameaça entre alunos, membros de gangues.

“É preocupante a situação em que se encontra a segurança dos professores, bem como de seus alunos no município”, relata. A reunião durou cerca de 2 horas a portas fechadas com novo comandante da Policia Militar, Edcezar Zeilinger e do Tenente Coronel Holivaldo de Jesus Muniz, comandante do 1º Batalhão da Polícia Militar de Campo Grande e da 4ª CIA da Policia Militar, que responde pelo Pelotão de Sidrolândia.

O Tenente Coronel atribuiu a situação ao um conjunto de situações que devem ser analisadas no contexto da segurança pública, como é o caso da falta de efetivos para atender de forma ampla de adequada os quadrantes do município. Outro ponto destacado por Horivaldo é o estado precário em que se encontram as viaturas e que atualmente apenas uma Blazer esta em funcionamento nas Ruas.

O novo comandante da Policia Militar do município, enfatizou que a solução para o problema requer muito mais que policiais na porta das escolas. “Precisamos mobilizar a sociedade no sentido de conscientiza-los que a educação vem de berço, a Policia não pode ser responsabilizada pela educação moral e formação do caráter dos adolescentes”, comenta.

O vereador Jean Nazareth (PT) explanou sobre medidas preventivas que poderão amenizar o problema. “Implantação da Guarda Mirin, Conselho de Seguranças da Escola, Projeto Bom de Bola Melhor na Escola entre outras atividades que possam ocupar os jovens no sentido de mantê-los focados na arte de apreender e interagir com professores e diretores” relata.

Waldemar Acosta, Ilson Peres e Professor Tadeu, sugeriram que a própria Câmara crie uma comissão especial para discutir a segurança pública do município. Pelo visto, o novo comandante da Policia Militar de Sidrolândia terá longo trabalho pela frente e já começa, ouvindo a sociedade organizada debatendo assuntos de extrema importância para a segurança da população.