Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 22 de Maio de 2024

Sidrolandia

Teatro contra leishmaniose começa hoje na Praça do Rádio

A cidade foi integrada as ações por ser uma área endêmica, com casos crescentes de leishmaniose tanto em cães quanto em humanos, e que necessita de ações de conscientização sobre a doença.

Campo Grande News

23 de Agosto de 2010 - 10:40

Campo Grande abre novamente hoje o projeto itinerante Circuito Estradafora – Caravana Intervet/Schering-Plough, realizado para crianças com objetivo de combater a leishmaniose.

A cidade foi integrada as ações por ser uma área endêmica, com casos crescentes de leishmaniose tanto em cães quanto em humanos, e que necessita de ações de conscientização sobre a doença.

De 23 a 25 de agosto, a carreta-teatro ficará sediada na Praça do Rádio Clube e oferecerá uma sessão de teatro sobre o tema no dia 23 e quatro sessões nos dias 24 e 25 , gratuitamente para crianças com idade entre 6 e 14 anos.

Especialmente desenvolvida para estimular a imaginação dos pequenos, a peça teatral “O Fim da Picada” é apresentada por meio de bonecos. Ela se passa dentro de uma carreta-teatro gigante, com capacidade para acomodar 150 espectadores sentados, com todo o conforto tecnológico de uma sala cultural convencional, com ar-condicionado, palco, iluminação, sonorização, projetor e tela.

O gerente de produtos da Intervet/Schering-Plough Animal Health, Marco Antonio de Castro, explica que o sucesso da primeira caravana motivou a empresa a continuar a investir no projeto, promovendo atividades de conscientização por meio do lazer, educação e acesso à cultura.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, de 2007 a 2009 foram confirmados 630 casos de leishmaniose visceral em Mato Grosso do Sul. Destes, 356 foram infectados na capital. Em 2010, cinco pessoas já morreram vítimas da doença no estado.

Mesmo diante desse número, Castro explica que houve uma diminuição expressiva dos casos de leishmaniose na Capital em função principalmente de uma parceria firmada entre a Intervet/Schering-Plough e a prefeitura, em 2007, para fazer o encoleiramento dos cães da cidade, com a coleira impregnada com deltametrina a 4%.

Após Campo Grande, a carreta-teatro passará por Goiânia (GO), Brasília (DF), Bauru (SP), Belo Horizonte (MG) e Salvador (BA). No período de circulação da carreta nas seis cidades brasileiras, em torno de 8 mil pessoas participarão das 54 sessões.

Ao final de cada atividade, as crianças levarão para casa um material explicativo sobre a doença e as formas de prevenção.