Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 21 de Julho de 2024

Sidrolandia

TSE tem que julgar recursos até amanhã

Até amanhã, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deverá julgar todas as ações referentes a registros de candidatura.

Diário do Pará

24 de Agosto de 2010 - 08:18

Até a última sexta-feira, o TSE tinha recebido 361 recursos ordinários e especiais referentes a registros dos candidatos, por diversos motivos: documentação incompleta, impugnações baseadas na Lei Complementar 135/010 (Ficha Limpa), dupla filiação e falta de quitação eleitoral das eleições anteriores. Após a decisão dos tribunais regionais, os candidatos têm três dias para recorrer ao TSE.

No Pará, muitos candidatos a deputado estadual, federal e até a senador tiveram os registros indeferidos, mas recorreram ao TSE e por conta e risco estão com as campanhas nas ruas. São casos como dos ex-prefeitos de Marituba, Antônio Armando (PSDB), e de Breves, Luiz Furtado Rebelo (PR), que não conseguiram registro no TRE para concorrer a deputado estadual, mas estão fazendo propaganda eleitoral nas emissoras de rádio e TV, além de manter cartazes, cavaletes e carros-som nas ruas da capital e interior.

Outros nomes conhecidos do eleitorado paraense também recorreram ao TSE, como o ex-deputado Mário Cardoso (PT), para concorrer a deputado federal; o vereador de Belém Nadir Neves (PTB), que busca uma vaga na Assembleia Legislativa; André Lobato, o Kaveira, ex-vereador de Belém, filiado ao PV, que também pretende ser deputado estadual.

Ao todo, o TRE paraense indeferiu quatro candidatos a senador; 17 candidatos a deputado federal e 105 candidatos a deputado estadual. Ainda há candidaturas que conseguiram o deferimento do registro, mas o Ministério Público Eleitoral (MPE) ajuizou recurso ao TSE, requerendo a suspensão.