Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 18 de Maio de 2021

Economia

Empresas pretendem investir R$ 42,1 mi em Mato Grosso do Sul

Sudeco aprovou consulta prévia para lavoura e usina de etanol.

Correio do Estado

26 de Dezembro de 2016 - 07:30

A Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco) aprovou consulta prévia para duas empresas investirem em Mato Grosso do Sul por meio do Fundo de Desenvolvimento do Centro-Oeste (FDCO). Os empreendimentos, com financiamento total de R$ 41,2 milhões, serão instalados em Paranaíba.

De acordo com as resoluções publicadas ontem no Diário Oficial da União, um dos projetos, apresentado pela Empresa Caiapó Agrícola Ltda., visa a formação de lavoura de cana-de-açúcar em uma área de aproximadamente 7,5 mil hectares, no valor de R$ 24,7 milhões.

O outro foi proposto pela CERN – Campania Energia Renovável S.A. e objetiva a realocação de uma unidade produtora de etanol do Estado de São Paulo para Mato Grosso do Sul. O valor do investimento é R$ 16,5 milhões.

Com a aprovação do Sudeco, as empresas poderão encaminhar seus projetos para análise do FDCO. Conforme as resoluções, o prazo para consulta prévia dos dois financiamentos é de 90 dias.

O Fundo de Desenvolvimento do Centro-Oeste (FDCO) é administrado pela Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco) e tem por finalidade o financiamento de empreendimentos estruturantes, com impacto em infraestrutura, serviços públicos, com capacidade germinativa de novos negócios e atividades produtivas e potencial de modificar a realidade local.

O prazo de pagamento é de até 20 anos, com taxas de juros mais baixas em relação às praticadas no mercado.