Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 12 de Maio de 2021

Economia

Gastos dos brasileiros no exterior sobem pelo 4º mês seguido, diz BC

Dados divulgados pelo Banco Central são referentes a novembro; no acumulado do ano, porém, BC registra queda de despesas de brasileiros no exterior.

G1

20 de Dezembro de 2016 - 17:00

O Banco Central informou nesta terça-feira (20) que os gastos dos brasileiros no exterior somaram US$ 1,2 bilhão em novembro.

Com o resultado, este foi o quatro mês seguido em que as despesas de brasileiros em outros países cresceram na comparação com o mesmo período do ano anterior. Em novembro, os gastos haviam somado US$ 971 milhões.

Dólar mais baixo

O aumento nos gastos de brasileiros no exterior coincide com a queda do dólar no acumulado deste ano.

Apesar do aumento registrado em novembro, em razão do cenário político conturbado e da vitória de Donald Trump nas eleições dos Estados Unidos, no acumulado dos onze primeiros meses de 2016 foi registrado recuo de 14,2% na cotação do dólar.

No final do mês passado, a moeda fechou cotada a R$ 3,38. No início de 2016, o dólar estava por volta de R$ 4.

Quando o dólar está mais barato, os gastos com hotéis e passagens no exterior, por exemplo, cotados em moedas estrangeiras, assim como as despesas gerais, também caem.

Acumulado do ano

No acumulado dos onze primeiros meses deste ano, os gastos de brasileiros no exterior somaram US$ 13,10 bilhões, valor 18,7% menor que o registrado no mesmo período do ano passado, quando as despesas lá fora ficaram em US$ 16,11 bilhões.

Segundo analistas, isso está relacionado com a crise econômica na economia brasileira, com aumento do desemprego e queda da renda das famílias. Também contribuem para esse movimento a alta da inflação e o elevado nível de endividamento das famílias.

Despesas de estrangeiros no Brasil

De acordo com os números do Banco Central, em novembro, os moradores de outros países gastaram US$ 472 milhões no Brasil – o que representa um pequeno aumento frente ao mesmo mês do ano passado, quando somaram US$ 466 milhões.

No acumulado deste ano até novembro, as despesas de estrangeiros no Brasil também cresceram, atingindo US$ 5,57 bilhões. No mesmo período do ano passado, foram gastos aqui US$ 5,25 bilhões.

Recentemente, o BC estimou que haveria um incremento de despesas de estrangeiros no Brasil nos últimos meses por conta da Olimpíada. A previsão era de que turistas gastariam cerca de US$ 200 milhões a mais no país entre julho e setembro.