Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 9 de Maio de 2021

Economia

Juro do cartão sobe para 484,6% ao ano em dezembro, diz BC

Aumento de novembro para dezembro foi de 2,4 pontos percentuais.Taxa do cheque especial, ao contrário, recuou.

G1

26 de Janeiro de 2017 - 09:45

Os juros médios cobrados pelos bancos nas operações com cartão de crédito rotativo tiveram crescimento de 2,4 pontos percentuais em dezembro de 2016, subindo para 484,6% ao ano, informou o Banco Central nesta quinta-feira (26).

Além de ser a modalidade mais cara do mercado, os juros do cartão de crédito também atingiram o patamar mais alto da série histórica, que começa em março de 2011. Em novembro, os juros estavam em 482,2% ao ano. No ano, a taxa do cartão de crédito rotativo teve alta expressiva de 53,2 pontos percentuais.

A modalidade de crédito do cartão rotativo, e também do cheque especial, de acordo com especialistas, só deve ser utilizada em momentos de emergência e por um prazo curto de tempo - devido ao seu alto custo. No caso do cartão de crédito, a recomendação dos economistas é que os clientes bancários paguem toda a fatura no vencimento para não deixar saldo devedor e evitar pagar juros.

No caso do cheque especial, os juros médios cobrados pelos bancos nas operações com pessoas físicas caíram em dezembro, passando de 330,6% ao ano em novembro, para 328,6% ao ano.