Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 20 de Janeiro de 2021

Economia

Pagamento do 13º salário põe R$ 130 bilhões na economia brasileira em 2012

No Natal dos menores juros da história, muitas serão as tentações para levar os R$ 130 bilhões do 13º salário que serão despejados na economia neste ano, segundo o Dieese.

Folha

26 de Novembro de 2012 - 16:45

Pagar contas atrasadas, comprar presentes, investir ou poupar?

No Natal dos menores juros da história, muitas serão as tentações para levar os R$ 130 bilhões do 13º salário que serão despejados na economia neste ano, segundo o Dieese.

É um dinheiro que daria para construir 156 estádios similares ao Itaquerão, futura arena corintiana em construção na zona leste da capital, e equivale a 2,9% do PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro.

Para cada uma das 80 milhões de pessoas que receberão em média R$ 1.637,50, o abono não será suficiente para pagar dívidas, comprar presentes e ainda guardar.

Para quem tem dívida, chegou a hora de quitá-la ou reduzi-la o máximo possível --nenhuma aplicação vai render mais.

O que sobrar pode engordar a poupança para emergências em 2013 ou aproveitar o benefício fiscal da previdência privada.

Segundo a Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade), três em cada cinco brasileiros usarão o dinheiro do 13º salário, cuja 1ª parcela sai até sexta-feira (30), para pagar dívidas.