Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 18 de Setembro de 2020

Esporte

Inter de Limeira surpreende e derrota o Corinthians por 1 a 0

Tcharlles marcou o gol da vitória do clube do interior paulista no final do primeiro tempo

Band Esporte

09 de Fevereiro de 2020 - 19:18

O Corinthians foi derrotado pela Inter de Limeira por 1 a 0, neste domingo, na Arena Corinthians, em São Paulo, pela quinta rodada do Campeonato Paulista. Priorizando o jogo desta quarta-feira contra o Guaraní, do Paraguai, pela Copa Libertadores, o técnico Tiago Nunes mandou a campo um time alternativo, com vários jogadores reservas.

Tcharlles marcou o gol da vitória da Inter de Limeira no final do primeiro tempo. Com a vitória, o time do interior chega a nove pontos no Grupo C e está na briga por vaga nas quartas de final. Mesmo com a derrota, o Corinthians termina a rodada na segunda colocação do Grupo D com sete pontos, um a menos que o líder Guarani.

Na sexta rodada, o Corinthians busca a reabilitação no clássico contra o São Paulo, no sábado, às 19 horas, no estádio do Morumbi. Na sexta-feira, a Inter de Limeira recebe o Santo André Antes, porém, o time de Tiago Nunes volta a campo nesta quarta para enfrentar o Guaraní, às 21h30, em casa, pelo segundo confronto da segunda fase preliminar da competição continental.

Derrotado no primeiro jogo no Paraguai por 1 a 0, o Corinthians precisa vencer por dois gols de diferença para avançar à terceira fase preliminar. Se devolver o placar do primeiro jogo, a vaga será decidida nos pênaltis. Em caso de vitória por um gol de diferença, mas com o time paraguaio marcando gols, o Corinthians será eliminado pelo critério do gol marcado como visitante.

De olho no Guaraní, Tiago Nunes optou por mandar um time alternativo a campo e poupar os principais titulares. Apenas Cássio, Pedro Henrique, Cantillo e Everaldo começaram jogando. Como consequência, o Corinthians não fez um bom jogo tecnicamente. Diferentemente das partidas anteriores, não teve intensidade e agressividade ofensiva desde os primeiros minutos. Esteve distante da boa atuação do clássico contra o Santos.

Mesmo com maior posse de bola (65%), o Corinthians se mostrou lento, previsível, insistiu nas jogadas pelo meio e não obteve sucesso em penetrar no congestionado sistema defensivo da Inter de Limeira. Claramente adotando uma opção defensiva, de esperar o rival em seu campo defesa e sair rapidamente nos contra-ataques, o time do interior se defendeu bem, levou perigo quando foi ao ataque e chegou ao gol no final do primeiro tempo

Aos 41 minutos, Lucas Braga driblou Pedro Henrique pela direita e cruzou rasteiro para a área, até Tcharlles chutar e acertar o canto direito de Cássio.

Insatisfeito com o rendimento do time na etapa inicial, e tentando jogadas alternativas pelas laterais do campo, Tiago Nunes mandou Vagner Love e Fagner, até então poupado. Depois, Luan também foi escalado. As opções não deram resultado.

O retrospecto do segundo tempo foi semelhante ao primeiro. Mesmo com posse de bola, o Corinthians não criou, não levou perigo ao adversário, tentou sem sucesso explorar o jogo aéreo com Gustavo

Nos minutos finais, o time se lançou ao ataque, buscando o empate, sem maiores preocupações com esquema tático ou organização. A Inter de Limeira atuou com os 11 atletas em seu campo de defesa, segurou a vitória e retornou a Limeira com os três pontos.

Insatisfeita com a atuação do time, a torcida do Corinthians perdeu a paciência e começou a vaiar das arquibancadas antes mesmo do apito final.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 0 x 1 INTER DE LIMEIRA

CORINTHIANS - Cássio; Michel Macedo (Fagner), Bruno Méndez, Pedro Henrique e Lucas Piton; Gabriel (Luan), Cantillo e Mateus Vital; Madson, Everaldo (Vagner Love) e Gustavo. Técnico: Tiago Nunes.

INTER DE LIMEIRA - Rafael Pin; Córdoba, Roger Bernardo, Bruno Oliveira e Lucas Balardin; Geovane (Matheus Neris), Marquinhos, Murilo Rangel (Nata), Thomaz e Lucas Braga; Tcharlles (Bruno Formigoni). Técnico: Elano.

GOL - Tcharlles, aos 41 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Lucas Balardin e Marquinhos (Inter de Limeira).

ÁRBITRO - Raphael Claus (Fifa).

RENDA - R$ 1.115.240,35.

PÚBLICO - 27.725 pagantes.

LOCAL - Arena Corinthians, em São Paulo (SP).