Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 26 de Novembro de 2020

Esporte

Inter inicia carnaval com festa e vitória fácil no Vale sobre o Esportivo: 3 a 0

Com o resultado, o Inter mantém a liderança do Grupo A, agora com 31 pontos. Na próxima rodada, o Colorado recebe o São José, também no Vale

Globo Esporte

01 de Março de 2014 - 07:55

Pouco fez diferença que o Inter se ressentisse do melhor entrosamento. Mesmo com reservas – apenas Paulão e Alex de titulares começaram a partida, o time de Abel Braga mostrou a discrepância entre quem tem a melhor campanha do Gauchão para o lanterna do Grupo A. Sem dificuldades, desfilou pelo Estádio do Vale, em Novo Hamburgo, e fez 3 a 0 no Esportivo nesta sexta-feira de Carnaval.

Cláudio Winck mostrou sua faceta goleadora mais uma vez e abriu o placar. Aos 18 minutos do primeiro tempo, Alex cobrou falta pela direita na cabeça do lateral-direito, que empurrou para o fundo das redes. Aos 41, Wellington Paulista mostrou que fez as pazes com o gol. Após garantir a vitória contra o Brasil de Pelotas na quarta (na vitória por 1 a 0), voltou a mostrar suas virtudes de centroavante. Bem posicionado, aproveitou o rebote de Vinícius e anotou o segundo. Na segunda etapa, Alan Patrick, que teve mais uma boa atuação, acabou coroado com o gol. Aos 25, levou a bola e chutou de fora da área.

Com o resultado, o Inter mantém a liderança do Grupo A, agora com 31 pontos. Na próxima rodada, o Colorado recebe o São José, também no Vale. A partida será disputada na quarta às 19h30. Já o Esportivo segue na lanterna da chave com 10. Também na quarta, o time de Flávio Campo pega o Veranópolis. O confronto ocorrerá na Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves.

Winck e Wellington Paulista constroem vantagem

Mesmo com apenas dois titulares, o Inter não sentiu a falta de ritmo e iniciou a partida em cima do Esportivo. Em menos de cinco minutos, já havia construído duas situações de perigo, ambas com Alan Patrick. Na primeira, aos três, chutou rasteiro e a bola tirou tinta do gol de Vinícius. Um minuto depois, cobrou falta, que obrigou o goleiro a ceder escanteio.

O time de Flávio Campos até tentou emparelhar. Aproveitou algumas indefinições da defesa para incomodar Muriel. Ricardo Maria era quem mais levava perigo, seja armando o ataque ou arriscando. Só que, aos 18, o time de Abel Braga abriu o placar. Após cobrança de falta de Alex, Cláudio Winck cabeceou, contando com a falha de Vinícius.

O Esportivo até teve uma oportunidade para empatar. Aos 30, Wesley Ladeira aproveitou sobra da cobrança de falta de Ricardo Maria. Ernando, atento, tirou em cima da linha. Só que era o Inter o dono das ações. Otávio infernizava o time de Bento Gonçalves. E não demorou a alcançar o segundo. Aos 41, Alex chutou. Vinícius evitou, mas não teve sorte. A bola sobrou para Wellington Paulista. E, na frente do gol, o centroavante não desperdiçou, aumentando a vantagem para o intervalo.

Alan Patrick faz o terceiro

Abel promoveu uma alteração no intervalo. Sacou Augusto e colocou Ygor em campo. Com a vantagem no marcador, o Colorado começou a trocar passes e esperar o espaço para arriscar contra o gol de Vinícius.

E, com mais qualidade que o adversário, empilhou chances perdidas. Wellington Paulista chutou para fora aos nove. Dois minutos depois, Alan Patrick se livrou da marcação e obrigou o goleiro do Esportivo a fazer boa defesa. Aos 17, Ernando se antecipou à zaga e mandou de cabeça por cima. E, de tanto tentar, o Inter chegou ao terceiro. Alan Patrick levou a bola pela intermediária e chutou de fora da área, aos 25.

O terceiro gol fez o ritmo do jogo cair de vez. Abel, que já tinha colocado Eduardo Sasha no lugar de Otávio, sacou Alan Patrick e deu chance a Caio. Os dois, embora tenham mostrado empenho, tiveram pouco tempo para contribuir com algo mais para o time. E a vitória dá aos colorados tranquilidade para curtir o Carnaval: 3 a 0.