Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 19 de Outubro de 2021

Esporte

Jovem atleta de Paranaíba assina contrato com o Grêmio

O paranaibense de 18 anos assinou o seu primeiro contrato profissional com o Grêmio e têm excelentes expectativas para o andamento da sua carreira

Jornal Tribuna Livre

10 de Agosto de 2013 - 11:10

Mais uma importante fase na vida do jogador de futebol Emanuel Oliveira Freitas aconteceu nos últimos dias. O paranaibense de 18 anos assinou o seu primeiro contrato profissional com o Grêmio e têm excelentes expectativas para o andamento da sua carreira. Ele, que está no elenco Sub-19, foi contratado até fevereiro de 2015.

A multa rescisória é de R$ 2,4 milhões para venda nacional; em caso de negociações com clubes do exterior, a multa é de R$ 5 milhões. O volante está em Porto Alegre-RS há cerca de um mês, onde treina em dois períodos e estudará à noite; ele mora no alojamento do clube. Na próxima segunda-feira (12), ele viaja para Belo Horizonte-MG para a Taça BH de Futebol Júnior. “Estou gostando bastante e trabalhando firme para conquistar o que eu quero”, contou.

Emanuel sabe que a carreira de jogador de futebol não é simples, por isso segue com dedicação para ter sucesso. Com uma passagem pelo Santos, ele vivia a expectativa de assinar contrato com o Fluminense, onde ficou por cerca de quatro meses, no entanto assinou com o Grêmio.

O futebol entrou na vida de Emanuel muito cedo, mas os primeiros treinos foram no CAP (Clube Atlético Paranaibense), com 10 anos. Ele não tinha muita vontade de jogar, entretanto os amigos o incentivaram, o gosto surgiu e não parou de crescer. Com o passar do tempo, foi adquirindo experiência e participando de campeonatos, o que fez a paixão pelo esporte aumentar ainda mais.

Depois do CAP, ele passou pelo Votuporanguense, onde jogou o Campeonato Paulista, e Novo Hamburgo (do Rio Grande do Sul), até chegar no Santos, clube onde mais evoluiu. Após um ano e dois meses do time da baixada, ele foi para o Fluminense. No clube carioca, ele assinou um contrato de risco (de três meses) e estava bastante confiante para a assinatura do seu vínculo como profissional.

Quando foi aprovado no Santos, o zagueiro assinou contrato com um empresário de um grande grupo que cuida da carreira de jogadores. Com o contrato, o empresário ajuda o jogador e sua família. “É uma pessoa que eu tenho que agradecer muito porque está me ajudando a crescer na vida”, contou. Originalmente volante, Emanuel jogou como zagueiro no Santos, mas agora, no Grêmio, está sendo utilizado em sua posição de origem.