Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 21 de Junho de 2024

Esporte

Mano faz ajuste ofensivo na seleção para "não pagar preço alto"

A principal preocupação do treinador, como ele explicou logo depois, em uma entrevista coletiva, é evitar que a equipe fique muito exposta ao perder a bola

Estadão

19 de Julho de 2012 - 16:56

Na véspera do único amistoso de preparação para os Jogos Olímpicos de Londres, contra a Grã-Bretanha, em Middlesbrough, o técnico Mano Menezes comandou um treino tático com o objetivo de acertar o posicionamento ofensivo da seleção brasileira. A principal preocupação do treinador, como ele explicou logo depois, em uma entrevista coletiva, é evitar que a equipe fique muito exposta ao perder a bola. Para isso, segundo o técnico, um ponto fundamental é alternar a ida dos laterais ao ataque - Mano considera perigoso ter os dois na frente ao mesmo tempo.

"Nos quatro amistosos que fizemos recentemente (contra Dinamarca, Estados Unidos, México e Argentina), tivemos bom volume de criação", comentou o gaúcho. "Temos de continuar assim, mas sem pagar um preço tão alto quando o time perde a bola, por isso é preciso ter um bom posicionamento."

Mano acredita que a partida contra a Argentina, em Nova Jersey (Estados Unidos), no dia 9 de junho, é um ótimo parâmetro para seu trabalho. Naquela ocasião, seu time jogou muito bem, apesar da derrota por 4 a 3, e o treinador espera ver um desempenho semelhante no amistoso desta sexta-feira e também na estreia nos Jogos Olímpicos, no dia 26, contra o Egito. Segundo ele, isso tem tudo para acontecer porque seus jogadores querem muito fazer a equipe melhorar.

"A equipe está com excelente comprometimento, o que é o primeiro passo para executar bem o que é treinado", falou Mano. "Desde o jogo contra a Dinamarca a equipe tem feito com gosto tudo o que foi preparado."