Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 24 de Junho de 2021

Esporte

São Paulo bate Náutico, vence fora após três meses, mas segue no Z-4

Destaque recente, o meia Paulo Henrique Ganso novamente mostrou irregularidade. Nas últimas duas partidas, o meia havia feito suas melhores exibições com a camisa do clube

Uol

04 de Setembro de 2013 - 08:09

O São Paulo não jogou bem, teve um gol mal anulado, mas viu as alterações de Paulo Autuori mostrarem efeito e venceu o Náutico por 1 a 0, na Arena Pernambuco, na noite desta terça-feira. A vitória fora de casa é a primeira do clube no Brasileirão após a estreia, contra a Ponte Preta, em Campinas, no dia 26 de maio.

O triunfo são-paulino alivia a situação do clube no Brasileirão, mas não o tira da zona de rebaixamento. Com os três pontos, o São Paulo chega a 18 e fica na 17ª posição – atrás do Fluminense no critério de desempate, por ter uma vitória a menos.

O gol foi marcado pelo atacante Aloísio, que entrou na equipe no intervalo. Além dele, o técnico Paulo Autuori também inseriu Negueba antes do início do segundo tempo. Saíram Osvaldo e Lucas Evangelista, que não jogaram bem na etapa inicial. O ex-flamenguista Negueba fez apenas seu segundo jogo pelo São Paulo, após a estreia contra o Botafogo, e surpreendeu. Tornou-se alternativa para jogadas individuais na ponta direita e criou chances de perigo. A dupla se mostrou eficaz mesmo atuando em um time com um a menos na maior parte do segundo tempo.

O gol que poderia ter aberto o placar no primeiro tempo foi marcado por Luis Fabiano. O atacante estava em posição legal, finalizou por cima de Ricardo Berna, viu a bola entrar, mas Leandro Pedro Vuaden seguiu a marcação de seu auxiliar e invalidou o gol.

Destaque recente, o meia Paulo Henrique Ganso novamente mostrou irregularidade. Nas últimas duas partidas, o meia havia feito suas melhores exibições com a camisa do clube. Nesta terça-feira, na Arena Pernambuco, não participou do jogo e saiu no início do segundo tempo, após atuação ruim. Sem Jadson, suspenso, o São Paulo não conseguiu produzir até as mudanças de Autuori.

Osvaldo e Lucas Evangelista, escalados nas pontas do 4-2-3-1 de Paulo Autuori, também não desempenharam as funções esperadas. Deixaram o time no intervalo e foram substituídos por Negueba e Aloísio. A equipe criou mais jogadas, chegou mais ao gol, mas não aumentou o volume de jogo.  Negueba, em seu segundo jogo pelo clube, teve

Para vencer, o time de Autuori ainda teve de superar a inferioridade numérica. O zagueiro Antônio Carlos foi expulso ao cometer falta em Rogério – era último homem, e não tinha recebido cartão amarelo. O time da casa teve mais posse de bola e chegou ao gol de Rogério Ceni. Aos 40 anos e na última temporada da carreira, o goleiro teve atuação sólida e fez grandes defesas. O São Paulo chega a cinco jogos sem perder, e com duas vitórias no período. O Náutico fica com oito pontos, a seis pontos do penúltimo colocado.