Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 24 de Fevereiro de 2024

Mato Grosso do Sul

Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros dão dicas de como ficar mais seguro no feriado prolongado

Em novembro do ano passado, foram registrados cerca de 1444 furtos na Capital, aponta Sejusp.

Correio do Estado

12 de Novembro de 2022 - 11:29

Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros dão dicas de como ficar mais seguro no feriado prolongado
Divulgação: CBMMS

Esta semana será marcada por dois feriados na Capital. Com este cenário, órgãos da Segurança Pública de  Mato Grosso do Sul, como o Corpo de Bombeiros Militar (CBMMS) e a Polícia Civil (PCMS), publicaram, nesta manhã (12), uma série de orientações para que o feriadão seja aproveitado com mais segurança.

No ano passado, neste mesmo período, a Polícia Federal Rodoviária registrou cerca de 25 acidentes, sendo 7 graves, nas estradas do Mato Grosso do Sul, foram cerca de 40 pessoas feridas. Os dados foram registrados durante a operação Proclamação da República, onde foram realizadas fiscalizações nas estradas, com foco no feriadão.

Com esta conjuntura, o Corpo de Bombeiros Militares publicou uma série de recomendações e dicas de segurança, sobretudo para quem pretende realizar passeios ou viajar durante o feriado. De forma geral, abaixo estão listadas algumas das principais dicas que o CBMMS indica para quem pretende curtir esse período fora de casa:

  • Se for viajar, feche o registro do gás de cozinha;
  • Relembre de conferir se os equipamentos elétricos estão desligados
  • Mantenha crianças sob constante vigilância, identificando-as com pulseiras ou crachás plastificados contendo seu nome e seu telefone;
  • Mantenha seu veículo com a manutenção em dia e respeite as sinalizações;
  • Não dirija cansado, com sono ou sob a influência de álcool ou drogas;

Além disso, o CBMMS apresenta orientações também para quem pretende aproveitar o tempo de folga para desfrutar de rios, balneários e piscinas:

  • Procure sempre um local com segurança de guarda-vidas;
  • Sempre que for nadar, avise um parente sobre o local para onde está indo e a hora programada para retorno;
  • Crianças não devem brincar na piscina sem a supervisão de um adulto. Mas não as deixe sob cuidados de pessoas estranhas;
  • Não permaneça perto de embarcações;
  • Cuidado com o limo nas pedras ele pode fazer você escorregar e cair na água.

Por fim e pensando nos riscos de afogamento, foram dadas as seguintes orientações:

  • Caso presencie um afogamento, só tente salvar a vítima se for habilitado e esteja em boas condições físicas para a ação; caso contrário, se for possível a aproximação, lance algum objeto flutuante (boia, isopor, prancha, etc) que ajude a vítima a flutuar ou que possa agarrar e ser tracionada para a margem (cordas, galhos com boa resistência, etc);
  • Pais e/ou responsáveis devem dedicar atenção integral às crianças;
  • A existência de guarda-vidas não substitui a atenção e responsabilidade dos pais e/ou responsáveis;
  • Não faça uso de bebidas alcoólicas antes ou durante a permanência na água;

Furtos

De acordo com a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), no mês de novembro do ano passado, foram registrados um total de 1444 furtos na Capital.

A PCMS alerta que, caso o objetivo seja viajar, é necessário se atentar a alguns pontos para que sua casa fique mais segura, enquanto estiver fora. Veja algumas dessas orientações:

  • Oriente familiares e empregados para que não comentem com estranhos sobre os hábitos da família;
  • Não divulgue em redes sociais que vai sair a passeio;
  • Leve as chaves da casa com você. Não deixe a chave de sua residência em um local inapropriado como debaixo do tapete, próximo à janela ou a um vaso de plantas, por exemplo, pois é uma deixa para que o ladrão a encontre;
  • Ao sair ou retornar da residência, observe as proximidades e se constatar a presença de estranhos, não entre;

Serviço

Se precisar procurar a Polícia Civil, vá a uma delegacia perto da sua residência. A lista com o endereço e telefone de todas as delegacias da Polícia Civil pode ser acessada pelo site www.pc.ms.gov.br.

Para contactar a Polícia Militar, ligue para o 190, em caso de emergência, ou para a Guarda Civil Metropolitana, pelo 153.

Ou ainda, para o Corpo de Bombeiros Militar, pelo 193.