Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 15 de Outubro de 2021

Policial

Advogado quer prisão preventiva do professor acusado de pedofilia

Dourados Agora

16 de Março de 2011 - 15:24

O advogado Isaac de Barros Júnior vai representar pela prisão preventiva do professor de Dourados, acusado de pedofilia. O jurista disse há pouco ao Douradosagora que vai, em companhia da esposa do homem, hoje às 16h à Delegacia Especializada no Atendimento da Mulher (DEAM).

Por medida preventiva, ele vai requerer a prisão do professor já que, segundo ele, a esposa que denunciou e entregou à polícia pen drive e notebook com imagens de menores, estaria correndo riscos.

O professor que seria funcionário de três instituições de ensino de Dourados já teria sido afastado dos cargos temporariamente, até que se esclareça o caso que vem provocando comoção na comunidade escolar, especialmente entre os pais, preocupados com a segurança dos filhos.