Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 10 de Agosto de 2022

Policial

Carro derruba muro em acidente com duas vítimas em Campo Grande

Com o impacto, o veículo azul foi lançado em direção ao muro da casa de esquina e chegou a arrancar a placa de parada obrigatória que ficava na calçada

G1 MS

09 de Setembro de 2015 - 10:05

A quarta-feira (9) começou com susto para uma família moradora do bairro Panorama, em Campo Grande. O muro da casa deles foi derrubado depois de ser atingido por um carro por volta das 7h (de MS). O acidente aconteceu no cruzamento das ruas Lagoa Rica e Ponta Grossa.

"Acordamos com o barulho, de freada, batida e depois do muro. Quando abri a janela do quarto já pensei que fosse acidente, mas não imaginei que tinha derrubado o muro. Aqui tem tanto acidente que já acostumamos com esses barulhos", explicou a moradora, que preferiu ter a identidade preservada.

Ela disse que na hora não pensou no prejuízo com a queda do muro. "Ficamos preocupados com as vítimas, né? Se estavam bem, se precisavam de ajuda. Essas coisas de prejuízo depois a gente vê", ressaltou.

Testemunhas que estavam no local disseram que o carro azul seguia pela preferencial, na rua Ponta Grossa, quando foi atingido pelo outro veículo prata, que teria desrespeitado a sinalização de parada obrigatória.

Com o impacto, o veículo azul foi lançado em direção ao muro da casa de esquina e chegou a arrancar a placa de parada obrigatória que ficava na calçada. Vizinhos relataram que o carro prata rodou na pista e chegou a bater de leve em um poste de energia

A motorista de 58 anos, que teria provocado o acidente, segundo as testemunhas, estava sem cinto de segurança e bateu a cabeça no para-brisa do veículo. Ela chegou a desmaiar durante o atendimento e foi socorrida primeiro pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A condutora de 54 anos, que estava na preferencial, ficou presa às ferragens do carro depois de bater no muro. Ela foi socorrida consciente e encaminhada para unidade de saúde.

O Batalhão de Polícia Militar de Trânsito (BPTran) esteve no local do acidente e fez o levantamento de informações. Os policiais não souberam informar se a condutora estava sem cinto de segurança, mas disseram que a perícia deve apurar a suspeita.

Sinalização

Moradores da região dizem que acidentes são comuns, principalmente nesse cruzamento. Vizinha da casa atingida nesta quarta-feira, a funcionária pública Solidéia Leite, disse que é a segunda vez que um carro derruba um muro no bairro.

"Moro aqui há 8 anos e direto vejo acidente. Aqui de noite parece uma pista de corrida. É desesperador, a gente dorme com medo ouvindo barulho de motor de carro passando em alta velocidade", relatou.

Assim como outros moradores, Solidéia reclama da falta de sinalização horizontal e pede que o cruzamento também tenha as escritas e faixas de "PARE" no chão. "Só a placa parece que não resolve, às vezes a pessoa passa aqui distraída e nem vê", explicou.