Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 22 de Maio de 2024

Policial

Condutor perde controle de caminhonete, invade loja de luxo e causa prejuízo

Motorista não identificado teve que ser levado para a Santa Casa, porque apresentava hipoglicemia, condição causada por falta de açúcar no sangue.

G1 MS

21 de Abril de 2024 - 16:25

Condutor perde controle de caminhonete, invade loja de luxo e causa prejuízo
Caminhonete invade loja em Campo Grande. Foto: Reprodução

Condutor de uma caminhonete perdeu o controle do veículo e invadiu uma loja de alto padrão na madrugada deste domingo (21), em Campo Grande (MS). Segundo testemunhas, o motorista estava bêbado. A proprietária do estabelecimento estima prejuízo de R$ 200 mil.

A vizinha da loja acionou a polícia e ligou para a proprietária quando o alarme disparou, por volta das 5h30. Segundo a filha da dona, Bruna Menezes, o condutor tentou fugir do local do acidente, mas a família impediu.

"Eu cheguei atrás, ele estava tentando dar ré. Aí o proprietário, que é meu pai, pediu para eu colocar atrás, pra ele não ter a possibilidade de dar ré e ir embora. Aí ele viu que ele não tinha possibilidade de ir embora, ele ficou dentro do carro mesmo e nisso nós vimos que ele estava bem alterado, embriagado. O cheiro dentro do carro de bebida alcóolica e de cigarro também", descreveu.

Conforme relatou Bruna, o homem disse que não morava na cidade, mas sim, em Goiás, e que havia saído da casa da filha dele e que pretendia seguir viagem antes de invadir a loja. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado porque o motorista tinha sofrido ferimentos leves. Ele teve que ser levado para a Santa Casa, porque apresentava hipoglicemia, condição causada por falta de açúcar no sangue.

Bruna ressaltou que o condutor quebrou dois vasos que pesam uma tonelada cada, e que custam R$ 5.500.

"Fora os gastos dentro da loja né. Os vidros são bronze, então tem um gasto bem grande. As roupas também, roupas rasgadas, roupas sujas. A loja vai ficar fechada até arrumar, mas vai atender online. Graças a Deus não foi em horário de atendimento, foi de madrugada", relatou.