Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 29 de Novembro de 2021

Policial

Detento é flagrado com haxixe no presídio de Segurança Máxima em Dourados

Ele alegou que a droga era apenas para o próprio consumo, mas que, para preservar a própria vida, não poderia dizer de quem comprou.

Campo Grande News

11 de Setembro de 2013 - 10:10

Um preso de 39 anos, que cumpre pena por homicídio, foi flagrado ontem (10), no presídio de Segurança Máxima em Dourados, com três esferas de haxixe. Depois do ocorrido, ele foi levado para Delegacia da Polícia Civil, e agora responde, além de homicídio, por tráfico de drogas.

Ele alegou que a droga era apenas para o próprio consumo, mas que, para preservar a própria vida, não poderia dizer de quem comprou.

A polícia reconheceu que a quantia encontrada com o detento, de um grama, não poderia ser para tráfico. Apesar disso, ele foi atuado por este crime. O entorpecente foi encontrado depois que agentes penitenciários receberam a denúncia de que um aluno da escola do presídio estaria traficando.

De acordo com o site Dourados Agora, “um plano de rebelião em massa no presídio teri9a como alvo a população”. A denúncia teria sido feita por detentos às comissões de Direito Humanos e dos Advogados criminalista da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).