Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 29 de Novembro de 2021

Policial

Jovem apedrejada morre no hospital de Dourados

Gláucia foi agredida com golpes de pedra, no último dia 17, pelo seu ex-amásio Adriano Gomes da Costa, vulgo “Gordinho”, de 22 anos.

Midiamax

28 de Abril de 2011 - 15:16

Morreu no início da tarde de quarta-feira (27) na UTI do Hospital Evangélico de Dourados, Glaucia Maiara Dias Munhóz, de 18 anos, vítima de morte cerebral, provocada por esmagamento do crânio e face.

Gláucia foi agredida com golpes de pedra, no último dia 17, pelo seu ex-amásio Adriano Gomes da Costa, vulgo “Gordinho”, de 22 anos.

Segundo informações, o corpo de Glaucia Maiara após passar por exames de necropsia, será liberado para a família, que farão o translado para Itaporã, onde será velado e posteriormente enterrado.

O autor do homicídio Adriano Gomes da Costa, vulgo “Gordinho”, de 22 anos, encontra-se preso à disposição da Justiça, na cadeia pública de Itaporã.

Ele foi preso na oportunidade que se apresentou à autoridade policial de Itaporã, pois com base nos depoimentos das testemunhas, o delegado Dr. Wisnton Ramão Albres Garcia já havia solicitado a prisão preventiva do autor.