Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 18 de Agosto de 2022

Policial

Jovem foi assassinado por ex-colega de prisão, segundo a polícia

Para não comprometer as investigações, já que o autor segue foragido, a autoridade policial preferiu não divulgar nome.

Correio do Estado

07 de Dezembro de 2015 - 10:51

Ivan Marques da Silva, 22 anos, foi executado a tiros por um ex-colega de prisão, de acordo com informações apuradas pelo delegado Camilo Kettenhuber, que registrou o caso na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) da Vila Piratininga. O crime ocorreu por volta das 17h deste domingo (6), na Rua Etalívio Pereira Martins, no Bairro Los Angeles, região sul de Campo Grande.

Para não comprometer as investigações, já que o autor segue foragido, a autoridade policial preferiu não divulgar nome. Disse que ele e Ivan haviam se desentendido no presídio da Gameleira e a suspeita é que a briga tenha ocorrido por causa de droga.

Ontem, no local do crime, o pai da vítima, José Flores da Silva, 71 anos, revelou que o filho sofria ameaças.

O CRIME

Ivan foi surpreendido pelo atirador com cinco disparos, quando voltava de uma visita que havia feito à filha, de dois anos. O irmão dele presenciou o crime e disse que o autor estava em uma bicicleta, não a vítima foi noticiado anteriormente.

Ivan foi atingido nas costas por tiros de revólver calibre 38. A vítima estava foragida do sistema prisional e já havia sido condenada pelo crime de homicídio.