Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 6 de Março de 2021

Policial

Mulher que desapareceu com os três filhos estaria no interior

Rosimeire saiu de casa, na última terça-feira, na Vila Santa Luzia, para levar o filho de 2 anos ao posto de saúde do bairro e não voltou mais para casa

MidiaMax

26 de Setembro de 2014 - 16:18

Rosimeire Lopes da Silva, de 26 anos, tida como desaparecida desde o dia 23 de setembro, estaria na casa de um familiar em Coxim, município a 243 quilômetros de Campo Grande.

O marido, José Augusto, de 31 anos, disse para a equipe de reportagem que, nesta sexta-feira (26), conseguiu entrar em contato com familiares da mulher. Segundo ele, a mulher e os três filhos estariam na casa da tia dela, em Coxim. Ele ainda afirmou que tentou entrar em contato com Rosimeire, mas não conseguiu falar com ela.

“Estou desesperado, não tenho condições de ir até lá. Não sei o que faço, pensei até em vender a minha casa”, disse José. O caso será encaminhado para a DEH (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Homicídios), responsável por cuidar de ocorrências de desaparecimento de pessoas.

Porém, caso seja constatado que a mulher abandonou a casa, o boletim de ocorrência é arquivado. Ainda de acordo com José Augusto, a polícia também tentou entrar em contato com Rosimeire, mas não conseguiu.

O caso

Rosimeire saiu de casa, na última terça-feira, na Vila Santa Luzia, para levar o filho de 2 anos ao posto de saúde do bairro e não voltou mais para casa. O marido procurou a delegacia para registrar o desaparecimento. Além do menino de 2 anos, estavam com a mãe mais duas filhas, de 5 e 9 anos de idade.

“Não discutimos, não brigamos, estava tudo dentro da normalidade. Saí de casa para trabalhar e quando voltei para o almoço ela ainda não havia voltado. Quando retornei no fim da tarde e vi que ela não estava em casa com as crianças fiquei preocupado. Procurei informações com os familiares dela e eles disseram que não sabiam do paradeiro dela e a única alternativa foi registrar o boletim de ocorrência”, afirmou.

José Augusto afirma ainda que a mulher saiu de casa com a roupa do corpo. “As crianças também não levaram qualquer outra roupa a não ser as que vestiam. Até mesmo fraldas para o menor ficaram em casa. Nem mesmo dinheiro ela tinha”, diz o marido preocupado.

José diz ainda que está casado com Rosimeire há 10 anos e que nunca houve problema entre eles. “Estou muito preocupado porque ela nunca foi de fazer isto. Além do mais as crianças estão junto”, desabafou.