Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 27 de Novembro de 2021

Policial

Ônibus tomba na BR 158 e mata condutora em Brasilândia

A outra ocorrência com vítima fatal aconteceu na BR 262, no trecho entre Três Lagoas ao distrito de Arapuá, mais precisamente no KM 56.

Perfil News

16 de Agosto de 2013 - 09:18

A Polícia Rodoviária Federal de Três Lagoas registrou nessa quinta-feira dois acidentes com duas mortes. A primeira ocorrência aconteceu na madrugada dessa quinta-feira na BR 163, no trecho que liga Três Lagoas a Brasilândia.

Um ônibus da viação Breda transportando 22 trabalhadores capotou próximo à ponte do Rio Verde. A condutora do coletivo identificada por Célia Ferreira do Nascimento, de 42 não resistiu aos ferimentos e morreu no local, enquanto dois trabalhadores tiveram ferimentos leves.

A causa do acidente até a publicação da matéria não havia sido divulgada pela PRF. O que se sabe, é que a motorista perdeu o controle do ônibus e capotou, mas, por ninguém sabe apurar se ela foi desviar de algum animal na pista.BR 262

A outra ocorrência com vítima fatal aconteceu na BR 262, no trecho entre Três Lagoas ao distrito de Arapuá, mais precisamente no KM 56. O trabalhador identificado por Renato Alves da Silva, 50 anos foi atropelado pela carreta, placa EKH-7428, conduzido por A.R.N, de 37 anos.

Silva não resistiu aos ferimentos e morreu na hora. Segundo informações, a vítima que trabalhava na empreiteira que está fazendo a manutenção da rodovia foi atravessar a via e não prestou atenção que a carreta seguia pela BR.

O motorista não conseguiu parar o veículo, que estava transportando cerca de 12 mil quilos de produtos perecíveis, só conseguindo alguns metros à frente.  “Ainda tentei desviar e quase colidi com outro veículo com vinha no sentido oposto, mas infelizmente não conseguiu. Quando vi, a fatalidade já tinha acontecido”, disse o condutor do caminhão, que muito abalado e nervoso que afirmou que este é o primeiro acidente no qual se envolve em aproximadamente dez anos de profissão.

A vítima tinha 50 anos e era natural do estado da Bahia. A Perícia Técnica da Polícia Civil foi acionada, encaminhando o corpo ao IML (Instituto Médico Legal (IML) da cidade.