Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 29 de Outubro de 2020

Policial

Pescador aposentado morre de infarto ao tentar atravessar rio Taquari, em Coxim

A vítima ainda desceu cerca de 100 metros do rio se afogando até que foi retirado da água pelo metalúrgico Francisco Joelson de Souza, de 65 anos.

Edição de Noticias

19 de Julho de 2014 - 08:49

O pescador aposentado Acelino Gomes, de 60 anos, mais conhecido como “Sem Terra”, morreu enquanto tentava atravessar o rio Taquari na tarde desta sexta-feira (18). O corpo dele foi retirado da água nos fundos do Rancho do Xuxa 1, localizado no bairro Santa Maria, em Coxim.

O armador José Moreira da Silva, de 62 anos, contou a nossa reportagem que viu o momento em que “Sem Terra” pulou na água para atravessar o rio, mas quando estava próximo da margem acabou afundando e começou a se afogar. Silva contou que não teve como salvá-lo, pois não sabia nadar.

A vítima ainda desceu cerca de 100 metros do rio se afogando até que foi retirado da água pelo metalúrgico Francisco Joelson de Souza, de 65 anos. Souza estava no rancho quando ouviu os gritos de socorro do pescador. Ele correu até um tablado sob o rio e conseguiu puxar a vítima que já estava boiando.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas nada puderam fazer, pois o pescador já foi retirado da água sem vida. Moradores da região contaram que “Sem Terra” tinha um barraco na região da ilha e costumava atravessar o rio de canoa ou nadando.

Peritos do Núcleo Regional de Perícias de Coxim estiveram no local registrando o corrido. O Corpo foi levado para o IML (Instituto Médico Legal) para necropsia, que apontou um infarto do miocárdio como causa morte, segundo a delegada de Coxim, Silvia Elaine Girardi Menck.

*Editada para acréscimo de informações.