Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 6 de Março de 2021

Policial

PF de Corumbá prende quadrilha que traficava cocaína no intestino para SP e RJ

O grupo criminoso negociava cerca de 100 quilos de droga por mês, sendo que durante as investigações foram realizadas 6 prisões em flagrante

Correio do Estado

29 de Setembro de 2014 - 13:48

A Polícia Federal deflagrou nesta segunda-feira (29) a Operação Fim de Linha para desarticular uma organização criminosa que atua no tráfico internacional de drogas. O grupo criminoso, composto por bolivianos e brasileiros, trazia a cocaína da Bolívia e distribuía a partir das cidades de Corumbá e Campo Grande para outros centros consumidores, como São Paulo e Rio de Janeiro.

De acordo com a PF, a quadrilha recrutava pessoas para transportar a droga no intestino e em malas de viagem, em ônibus interestaduais. Por conta dessas características é que a operação foi batizada de “Fim de Linha”.

O grupo criminoso negociava cerca de 100 quilos de droga por mês, sendo que durante as investigações foram realizadas 6 prisões em flagrante.

Operação

Foram expedidos pela Justiça Federal de Corumbá 6 mandados de prisão e 6 de busca e apreensão para serem cumpridos nas cidades de Corumbá, Aquidauana e Campo Grande. Dentre os presos, está um casal boliviano que era responsável pelo fornecimento da droga.

A operação teve início no final de 2013 e durante os trabalhos foi desarticulado um grupo de 15 pessoas envolvido no tráfico internacional de drogas. Os traficantes podem ser condenados a penas que vão de 8 a 25 anos de reclusão.