Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 19 de Janeiro de 2022

Policial

Polícia investiga estupro de mulheres por seis indígenas em MS

G1

30 de Maio de 2011 - 15:11

A Polícia Civil investiga o caso de duas mulheres que foram estupradas na última sexta-feira (27), no município de Japorã, localizado a 477 quilômetros de Campo Grande. Segundo informações policiais, o estupro teria sido realizado por seis homens indígenas, da etnia etnia guarani-ñhandeva, residentes na Aldeia Porto Lindo.

O boletim de ocorrência foi registrado na delegacia de polícia do município vizinho, Mundo Novo, onde estão sendo feitas às investigações. No sábado (28), um dos seis indígenas suspeitos foi preso. Ele negou que tenha cometido o crime. De acordo com o escrivão da delegacia, Guilherme Temporim, as vítimas são moradoras do assentamento Tagro.

Uma delas tem 30 anos e a outra 32. Em depoimento, elas relataram que estavam voltando para o assentamento pela estrada que também dá acesso à aldeia, no final da tarde. Um homem indígena teria passado de motocicleta, abordado as mulheres e depois ido embora.

Ainda segundo o depoimento, o mesmo homem teria voltado com mais cinco indígenas, que teriam agarrado as mulheres e realizado os estupros em um matagal na beira da estrada. Ainda segundo a polícia, um dos homens ainda teria apagado uma bituca de cigarro no tórax de uma das vítimas. Elas também tiveram os aparelhos celulares roubados pelo bando. A polícia trabalha na identificação de todos os envolvidos.