Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 4 de Março de 2021

Policial

Polícia vai ouvir testemunhas sobre a morte de menino com tiro na cabeça em Campo Grande

O garoto se preparava para ir à escola quando entrou no quarto dos pais e teria pegado uma pistola. 40, e atirou contra a cabeça

MidiaMax

30 de Setembro de 2014 - 16:05

O caso do menino de 12 anos, que morreu com um tiro na cabeça na última segunda-feira (29), no Bairro Cabreúva, será investigado pela 1ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande.

De acordo com o delegado Miguel Said, responsável pelo caso, testemunhas serão chamadas para depor e também é aguardado o laudo da perícia. 

Caso

O garoto se preparava para ir à escola quando entrou no quarto dos pais e teria pegado uma pistola. 40, e atirou contra a cabeça. A arma pertence ao pai dele, que é policial militar.

O Corpo de Bombeiros foi chamado, mas ao chegar ao local o garoto já estava morto. A PM e a Perícia também foram acionadas para atender à ocorrência. O corpo foi encaminhado para o Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal).

Vizinhos disseram que o menino era bom filho, não apresentava sinais de depressão e era um atleta.