Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 18 de Agosto de 2022

Policial

Preso por sexo e furto de TV de motel namorava menina há 8 meses em MS

Polícia ainda achou garrafa de conhaque e suspeito responde por 3 crimes. Suspeito tinha o consentimento da adolescente de 13 anos, diz delegado.

G1 MS

27 de Agosto de 2015 - 15:29

A Polícia Civil, após investigar um caso de estupro envolvendo uma adolescente e um homem de 35 anos, em Campo Grande, constatou que os dois possuíam um relacionamento afetivo e houve consentimento da vítima, de acordo com o delegado Paulo Sérgio Lauretto, titular da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca).

"Eles namoravam há oito meses, desde o início do ano conforme o depoimento dos envolvidos. Nós constatamos que o crime ocorreu com o consentimento da vítima, porém o homem responde pelo estupro porque a vítima tem 13 anos", afirmou o delegado, ressaltando o artigo 217 do Código Penal e o Estatuto da Criança e ao Adolescente (ECA).

Conforme o delegado, os policiais ainda encontraram uma garrafa de conhaque com o suspeito. Ele teve o pedido de prisão convertida em preventiva e permanece na cadeia. O homem responde pelos crimes de estupro de vulnerável, furto e por dirigir sob efeito de álcool. O suspeito, que seria irmão do padrasto da vítima, possui antecedentes por porte de arma, receptação e lesão corporal dolosa.

Entenda o caso

Um homem de 35 anos foi preso no domingo (23), após fazer sexo com uma adolescente de 13 anos em um motel de Campo Grande. Ao sair, ele furtou um televisor de 32 polegadas do quarto do estabelecimento. Segundo a Guarda Civil Municipal, o suspeito transportava a menina e o aparelho em uma motocicleta, quando foi flagrado.

De acordo com o boletim de ocorrência, o homem fugiu quando percebeu que ia ser abordado pelos guardas, mas foi interceptado durante a fuga.

Ao ser questionado sobre a televisão, o suspeito disse que tinha comprado em uma boca de fumo na área central da cidade. A adolescente relatou aos guardas que estava com o homem em um motel no bairro Guanandi, onde tiveram relação sexual, e que ele furtou o televisor do quarto. Depois do relato da garota, o suspeito confessou o furto.

Os dois foram encaminhados para a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Piratininga. Segundo a delegada plantonista Ana Paula Trindade Ferreira, o homem alegou que namorava com a garota, enquanto ela disse que manteve relações com ele algumas vezes.

A adolescente foi ouvida e entregue para a mãe dela. O homem foi autuado por: estupro de vulnerável; corrupção de menores; furto qualificado com abuso de confiança, ou mediante fraude ou escalada ou destreza; desobediência; falta de permissão ou habilitação para dirigir – trânsito; vender, fornece ainda que gratuitamente, ministrar ou entregar, de qualquer forma, a criança ou adolescente, sem justa causa, produtos cujos componentes possam causar dependência física ou psíquica, ainda que por utilização indevida.

Conforme a delegada, o suspeito é portador de hanseníase e foi transferido para o Instituto Penal de Campo Grande.