Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 1 de Dezembro de 2021

Policial

Quadrilha que aterrorizou Eldorado está fortemente armada e continua foragida

Os autores teriam entre 19 e 23 anos e o mandante, seria um homem de 40 anos, o mais agressivo e suposto líder da quadrilha

Campo Grande News

13 de Agosto de 2013 - 08:50

A quadrilha que aterrorizou a cidade de Eldorado na última semana, após trocar tiros com a Polícia, continua foragida. A suspeita é de que cinco pessoas estejam envolvidas na sequência de crimes, marcados pela violência. Os autores teriam entre 19 e 23 anos e o mandante, seria um homem de 40 anos, o mais agressivo e suposto líder da quadrilha.

Eles são acusados de roubar um casal, trocar tiros com a Polícia, agredir um Guarda Municipal, roubar um vereador e fugirem após sequestrar o funcionário de uma fazenda e um caminhoneiro, tudo em três dias.

Os crimes começaram na madrugada da última quarta-feira (7). Por volta de 1h40, os bandidos invadiram uma casa de Mundo Novo, renderam um casal e fugiram com um veículo Citroen C3.

Quando passavam por Eldorado, por volta das 5h45, se depararam com uma barreira policial e trocaram tiros com a PRF (Polícia Rodoviária Federal). Eles abandonaram o C3 e fugiram por uma mata.

Em seguida, espancaram um guarda noturno, que segundo a Polícia, foi confundido com um Policial Militar. Ainda na quarta-feira à noite, o grupo invadiu a casa do vereador ClaudioBeraldi (PT), que também foi agredido. Eles fugiram em seguida com o carro, documentos e eletrodomésticos da residência.

Com o carro do vereador, a quadrilha que está fortemente armada, rendeu cinco funcionários da fazenda Santa Izabel, também em Eldorado. Eles fugiram com uma F-250 e levaram um dos funcionários.

Na entrada da BR 163, roubaram um caminhoneiro e esconderam o veículo em uma estrada vicinal. Os bandidos e as duas vítimas seguiram viagem. Eles conseguiram passar por uma barreira policial, mas quando chegaram próximo a linha internacional foram abordados pela Polícia.

Novamente houve troca de tiros e a quadrilha fugiu pela segunda vez por um matagal. Segundo o delegado de Eldorado, Claudineis Galinari, a quadrilha é extremamente violenta e está fortemente armada. “Pelos indícios, eles estão com pistolas calibre 9 milímetros e espingarda calibre 12”, explicou.