Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 3 de Dezembro de 2021

Policial

Sequestradores mantêm reféns amarrados e são surpreendidos pela Policia Militar

As vitimas foram desamarradas e os autores encaminhados e entregues no Departamento de Policia Civil para devidas providências cabíveis

Marcos Tomé/Região News

08 de Março de 2011 - 09:34

Sequestradores mantêm reféns amarrados e são surpreendidos pela Policia Militar
Sequestradores mant

Através de denuncia via fone 190, onde vizinhos perceberam  estranha movimentação em uma casa localizada na Avenida Antero Lemes da Silva "Brasil" em Sidrolândia na altura do número, 550 no centro da cidade. Foram deslocadas para atender ao chamado uma Blazer e duas motos do trânsito.

As equipes fizeram o cerco policial na referida casa e ao fazerem a incursão os policiais militares constataram que na sala teria uma pessoa do sexo masculino com as mãos e pernas amarradas e várias malas próximas à janela, a qual estava semiaberta e outras duas pessoas (sexo feminino) sendo ameaçadas por uma mulher de posse de uma faca.

Os policiais então começaram a negociação para que os autores se entregassem. O adolescente Infrator M. G. S. S. de 16 anos foi o primeiro a ser preso, sendo que este estava de posse de um revolver calibre 38 de marca Schmidt West sem numeração aparente.

No bolso do menor foi encontrada certa quantia em dinheiro, cartões de credito pertencentes às vitimas. Logo em seguida foi presa, Carina Barbosa dos Santos de 20 anos, que já tinha contra si mandado de prisão em aberto por Tráfico de Drogas. Com a procurada foi localizada várias cédulas de R$100,00 e R$50.00, além de um papel contendo anotações das senhas dos cartões das vítimas.

Em ato continuo foi também preso na parte dos fundos da casa tentando se evadir Rafael de Almeida Freitas de 22 anos, que também tinha contra si dois mandados de prisão em aberto, este estava encapuzado e foi encontrado de posse do mesmo, chaves da camionete da vítima, vários cartões de crédito, algumas jóias e o controle do portão da casa.

As vítimas foram desamarradas e os autores encaminhados e entregues no Departamento de Polícia Civil para devidas providências cabíveis.

Crime