Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 27 de Janeiro de 2022

Policial

Vítima de tentativa de homicídio não corre risco de morte segundo familiares

Familiares de Márcia Armindo dos Santos temem pela soltura dos acusados, tidos como elementos de alta periculosidade.

Franciane Trindade/Região News

24 de Maio de 2011 - 15:00

Familiares próximos a Márcia Arminda dos Santos informaram que seu estado de saúde apresentou melhora, e que ela não corre mais risco de morte. Segundo familiares, médicos informaram que as sete perfurações de faca que a vítima recebeu foram profundas, e que por pouco não teve o pescoço degolado.

Ela permanece internada na Santa Casa de Campo Grande, para onde foi levada por vaga zero após sofrer tentativa de homicídio no sábado em sua residência, no Conjunto Habitacional Pé de Cedro em Sidrolândia, e receber atendimento no Hospital Beneficente Dona Elmíria Silvério Barbosa.

Familiares revelaram à Polícia Militar que três homens foram os autores do crime, e que um deles, Joelson Dourado Mesquita, foi o autor do esfaqueamento.

Pouco tempo depois do fato em ação rápida os policiais conseguiram localizar o acusado que estava acompanhado de mais duas pessoas. Todos foram encaminhados para a Delegacia de Policia Civil para prestar esclarecimentos. Até o final da manhã desta terça-feira (24), o trio permanecia detido na Cadeia Pública.

Mesquita é autor do homicídio contra o jovem Theyres Marcos Lopes da Silva, no dia 13 de novembro do ano passado. Ele também é acusado de tentativa de homicídio no dia 10 de abril, no cruzamento das Ruas Generoso Ponce e Thomas Cáceres no Bairro São Bento, contra o filho de Márcia, Thiago.

Familiares de Márcia Armindo dos Santos temem pela soltura dos acusados, tidos como elementos de alta periculosidade.

O CASO

A Policia Militar foi acionada por volta das 22 horas de sábado (21) para atender uma ocorrência do tipo tentativa de homicídio no Bairro Pé de Cedro. Constando que Márcia Armindo dos Santos de 40 anos tinha sido golpeada no pescoço por um homem identificado pela alcunha de “Mesquita”.

Márcia foi atingida por sete golpes de faca, a mesma foi socorrida e encaminhada com vaga zero para Campo Grande devido à gravidade do ferimento.

Segundo informações, a vítima é mãe de Thiago Armindo dos Santos de 25 anos vulgo “Thiaguinho”, esfaqueado com uma perfuração na região do abdômen no último dia 10 de abril na Rua Generoso Ponce próximo ao Mercado Treze. Na ocasião dos fatos Thiago não soube informar Polícia a autoria do esfaqueamento.

Informações extra-oficiais dão conta de que Mesquita teria cobrado uma suposta dívida do filho da vítima, como não houve o pagamento, o mesmo teria o julgado de morte. (Colaborou Mauro Silva)