Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 6 de Julho de 2022

Política

Após saída de Rose, Câmara dos Deputados vota para três cargos da mesa diretora

Rose é pré-candidata ao Governo do Estado de Mato Grosso do Sul pelo União Brasil, após deixar o PSDB.

MS Urgente

25 de Maio de 2022 - 15:15

Após saída de Rose, Câmara dos Deputados vota para três cargos da mesa diretora
Foto: MS Urgente

A Câmara dos Deputados vota nesta quarta-feira (25) o nome de três cargos da mesa diretora, em sessão que ocorre no plenário. A votação é presencial. O ato é resultado de uma decisão que tornou vagos os cargos de 1º vice-presidente, 2º secretário e 3º secretário, após a mudança de partido dos então titulares: Marcelo Ramos (PSD-AM), Marília Arraes (Solidariedade-PE) e Rose Modesto (União-MS), respectivamente.

Nos termos do acordo feito para a eleição da Mesa no biênio de fevereiro de 2021 a fevereiro de 2023, a vaga para a 1ª vice-presidência cabe ao PL, e o candidato oficial do partido ao cargo é o deputado Lincoln Portela (PL-MG). Outros deputados do PL vão concorrer de forma avulsa. São eles: Capitão Augusto (PL-SP), Fernando Rodolfo (PL-PE), Bosco Costa (PL-SE) e Flávia Arruda (PL-DF).

Já o 2º secretário será escolhido entre integrantes do PT. O partido indicou o deputado Odair Cunha (PT-MG) para o cargo. Não houve candidaturas avulsas para esse lugar na Mesa. Por fim, a vaga de 3º secretário cabe ao PSDB, que indicou oficialmente a deputada Geovania de Sá (PSDB-SC). Também será a candidata única do partido ao cargo.

Rose é pré-candidata ao Governo do Estado de Mato Grosso do Sul pelo União Brasil, após deixar o PSDB. Ela acabou deixando o cargo após trocar de partido, e desde fevereiro tem percorrido vários municípios do Estado para consolidar seu nome como opção para as eleições de 2020.