Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 4 de Março de 2024

Política

Escanteado por Bolsonaro, tucano Eduardo Riedel se elege governador de MS

O empresário Eduardo Riedel (PSDB), 53, foi eleito governador de Mato Grosso do Sul neste domingo (30).

UOL

30 de Outubro de 2022 - 18:04

Escanteado por Bolsonaro, tucano Eduardo Riedel se elege governador de MS
Eduardo Riedel. Foto: UOL

O empresário Eduardo Riedel (PSDB), 53, foi eleito governador de Mato Grosso do Sul neste domingo (30) mesmo com um apoio bastante discreto do presidente Jair Bolsonaro (PL). Estreante na disputa, o político enfrentou o capitão do Exército Renan Barbosa Contar (PRTB), 38. Apuração dos votos do 2º turno das Eleições 2022: siga em tempo real Foi para Contar que Bolsonaro pediu votos durante o debate da TV Globo no primeiro turno após ser provocado pela senadora Soraya Thronicke (União Brasil), à época candidata à Presidência. Ela em seguida brincou que Contar ficava "lhe devendo uma". A declaração estremeceu a aliança com o PP, base do governo e que apoiava oficialmente o tucano, principalmente na figura da ex-ministra da Agricultura Tereza Cristina (PP). Eleita senadora no último dia 2, ela ajudou a montar o programa de governo de Riedel e foi sua principal fiadora. Além disso, o PP indicou o vice da chapa, o deputado estadual Barbosinha. Bolsonaro depois foi a público para dizer que ia se manter neutro na disputa estadual. No dia 2, Contar teve 384.275 votos (26,71% do total), enquanto Riedel conquistou 361.981 eleitores (25,16%). Ao final, o empresário conseguiu reverter a desvantagem e se elegeu. Ele tinha uma aliança com Republicanos, PP, PSB, PL e PDT, além da federação entre PSDB e Cidadania. Em sabatina UOL/Folha, ele afirmou ter um "posicionamento liberal, em absoluto respeito ao desenvolvimento socioambiental". O empresário se disse intolerante com a prostituição infantil e o trabalho escravo, além de ter de conscientizar a população sobre as queimadas na região. Também se colocou contra as câmeras nos uniformes de policiais militares, contra a legalização da maconha, a favor da privatização da Petrobras e a favor do porte e posse de armas nos territórios rurais.

Quem é Eduardo Riedel? 

Carioca, Eduardo Riedel é formado em ciências biológicas pela UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e é mestre em zootecnia pela Unesp (Universidade Estadual Paulista) em Jaboticabal (SP). Segundo biografia que postou nas suas redes sociais durante a campanha, passou "a infância e a juventude entre a orla e os campos de várzea, no Rio, e outros campos, os da antiga fazenda Sapé, em Maracaju (MS)"

Em 1995, assumiu a gestão da fazenda da família e, conforme aponta no vídeo, "mudou o perfil produtivo" da propriedade rural, que se tornou referência de "governança familiar, sustentabilidade e diversificação". A atuação voltada ao agronegócio fez Riedel ocupar cargos em diversas entidades da área. Foi presidente do Sindicato Rural de Maracaju e, entre 2006 a 2012, presidente da Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul). Também foi diretor da CNA (Confederação Nacional da Agricultura).

Em 2015, assumiu como secretário estadual da Infraestrutura sob o governo de Reinaldo Azambuja. Ficou no cargo até abril de 2021. Riedel é casado há 28 anos com Mônica, com quem teve dois filhos, Marcela e Rafael.