Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 6 de Dezembro de 2021

Política

Tribunal de Justiça retira recurso do caso Mensalão da pauta de julgamento

A suposta existência de esquema de desvio de dinheiro na Assembleia foi revelada durante a Operação Uragano, pelo então secretário da Assembleia, Ary Rigo.

Cojuntura Online

31 de Julho de 2013 - 16:19

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul decidiu retirar da pauta de julgamento o agravo regimental em que pedia suspensão da liminar sobre a decisão da não permissão da quebra de sigilo bancário da Assembleia Legislativa do Estado nesta quarta-feira (31).

A assessoria de comunicação do órgão esclarece que a parte dos desembargadores pediu para que os autos sejam encaminhados para a Procuradoria Geral do Estado. Nova data ainda não está marcada e deverá ser divulgada para quem acompanha o processo (número 0605693-6.2012.8.12.0000).

A suposta existência de esquema de desvio de dinheiro na Assembleia foi revelada durante a Operação Uragano, pelo então secretário da Assembleia, Ary Rigo. O julgamento atende uma das reivindicações feitas pela Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB-MS) e outras 21 entidades sul-mato-grossenses ao TJ-MS, na Caminhada pela Justiça, do último dia 25.

No documento entregue ao presidente do TJ-MS, desembargador Joenildo Chaves, consta o “pedido de apuração de julgamento célere das denúncias envolvendo casos de corrupção nos Poderes do Estado de Mato Grosso do Sul, como o propalado episódio do ‘Mensalão do MS’”, conforme trecho da carta.