Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 25 de Janeiro de 2021

Sidrolândia

Futura presidente vai contratar gestor profissional e encerra ciclo de 16 anos

A entrada da nova diretoria encerra um ciclo de 16 anos em que a gestão do hospital esteve sob o controle da família Camilo.

Flávio Paes/Região News

29 de Novembro de 2020 - 21:55

Seu Aroldo Corrêa e dona Getúlia, futura presidente do hospital. Foto: Reprodução

A futura presidente da entidade mantenedora do Hospital Elmiria Silvério Barbosa, Getúlia Corrêa, assim como fez no biênio 2004/2006, vai contratar um gestor especializado em administração hospitalar para tocar o dia-a-dia da instituição. "Não vamos fazer um caça às bruxas. A partir da posse vamos tomar pé da situação", destaca, sem descartar a necessidade de uma auditoria se for preciso.

A entrada da nova diretoria encerra um ciclo de 16 anos em que a gestão do hospital esteve sob o controle da família Camilo. De acordo com dona Getúlia, a diretora administrativa Vanda Camilo, como ela é vereadora eleita mais votada, terá como prioridade a partir de 1º janeiro, dedicar-se ao seu mandato. "Na época em que fui presidente, a Vandinha se afastou do hospital e foi trabalhar na Câmara", lembra.

Aos 70 anos, dona Getúlia não tinha intenção de voltar a ocupar a presidência do hospital, mas acabou convencida por um grupo de sócios insatisfeitos por terem se sentido aleijados pela atual diretoria que não se movimentou para cobrar deles a anuidade e assim ter direito a voto.

"São mais de 100 sócios, mas só 45 tem a direito a voto. Temos que trazer novos sócios, não reduzir", avalia. Ela lembra que recentemente os produtores aderiram a uma campanha do Sindicato Rural, doaram recursos que garantiram a aquisição de equipamentos, incluindo respiradores, materiais e insumos.