Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 29 de Novembro de 2021

Sidrolandia

Desempenho da produção de soja e milho eleva renda bruta do produtor

O VBP representa o desempenho do setor para a economia local e é o resultado da multiplicação do volume produzido e o preço da matéria-prima.

Famasul

19 de Setembro de 2013 - 07:19

O resultado positivo da produção de soja e de milho na safra 2012/13 no Estado de Mato Grosso do Sul deve gerar um Valor  Bruto de Produção (VBP) recorde em 2013. A previsão é da Unidade Técnica da Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Sistema Famasul).  O VBP representa o desempenho do setor para a economia local e é o resultado da multiplicação do volume produzido e o preço da matéria-prima.

No caso da soja a estimativa é que o VBP do ano atinja R$ 5,2 bilhões, 18% a mais que em 2012, quando o VBP ficou em R$ 4,4 bilhões. Alta ocasionada pela produção de soja sul-mato-grossense que saltou de 4,6 milhões de toneladas para 5,8 milhões de toneladas nas duas últimas temporadas, com alta de 25,5%. Em sentido contrário, no mesmo período, o preço da saca caiu 6%, passando de R$ 53,56 para R$ 57,07 a saca.

Já o VBP do milho está previsto em R$ 2,57 bilhões, rompendo patamares históricos, 10% a mais que em 2012, quando o indicador finalizou em R$ 2,34 bilhões.  Incremento motivado pela produção de milho que encerrou em 7,8 milhões de toneladas, de acordo com as informações do Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio (Siga), com aumento de 19% frente a safra passada (6,57 milhões de toneladas). Repetindo o mesmo cenário da soja, o milho também caiu no comparativo, saindo de R$ 21,41 a saca para R$ 19,70 a saca, com desvalorização de 8%.

De acordo com a assessora técnica do Sistema Famasul, Adriana Mascarenhas, o desempenho do setor é resultado do aquecimento da demanda internacional, com o aumento do interesse pelo milho brasileiro após a seca histórica vivida nos Estados Unidos no ciclo passado. "O produtor de MS se sentiu estimulado a expandir a área de produção na safra 2012/13 para atender a demanda dos países que antes importavam dos Estados Unidos, cuja safra passada foi prejudicada pelas condições climáticas", afirma Adriana.

Segundo as informações da Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja/MS - Sistema Famasul), em 2012, as exportações de milho de MS verificaram crescimento de 226% em relação a 2011, saltando de 487 mil toneladas  para 1,588 milhão de toneladas, o triplo. Veja o artigo técnico elaborado pela equipe técnica do Sistema Famasul, na íntegra: http://www.famasul.com.br/public/area-produtor/1793-artigo-n-08-projecao-do-vbp-da-soja-e-milho.pdf

Sobre o Sistema Famasul – O Sistema Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS) é um conjunto de entidades que dão suporte para o desenvolvimento sustentável do agronegócio e representam os interesses dos produtores rurais de Mato Grosso do Sul. É formado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Fundação Educacional para o Desenvolvimento Rural (Funar), Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja/MS) e pelos sindicatos rurais do Estado.

O Sistema Famasul é uma das 27 entidades sindicais que integram a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Como representante do homem do campo, põe seu corpo técnico a serviço da competitividade da agropecuária, da segurança jurídica e da valorização do homem do campo. O produtor rural sustenta a cadeia do agronegócio, respondendo diretamente por 17% do PIB sul-mato-grossense.