Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Terça, 1 de Dezembro de 2020

Sidrolandia

Indústria tem evolução de 8% na comparação de 2011 com 2012

O presidente da Fiems, Sérgio Longen, credita o desempenho ao apoio do Governo Federal e do Sistema Indústria

Daniel Pedra

18 de Dezembro de 2012 - 08:00

O setor industrial de Mato Grosso do Sul encerra 2012 com evolução de até 8% sobre 2011, conforme dados levantados pelo Radar Industrial da Fiems e apresentados pelo presidente da Fiems, Sérgio Longen.

A maior elevação ficou por conta do número de estabelecimentos industriais, que saltou de 9.884 para 10.675 (+8%), enquanto a quantidade de empregos gerados subiu de 121.956 para 130.000 (+6%). Já o faturamento das indústrias cresceu de R$ 20,7 bilhões para R$ 22 bilhões (+5,8%), o PIB (Produto Interno Bruto) Industrial aumentou de R$ 9,8 bilhões para R$ 10,3 bilhões (+5,1%) e a receita de exportações de industrializados saiu de US$ 2,87 bilhões para US$ 2,95 bilhões (+2,8%).

Segundo Sérgio Longen, os números demonstram que o Estado está no caminho certo e o Sistema Fiems avança cada vez mais no propósito de oferecer apoio integral à produção, com ações de qualificação de mão de obra, educação do trabalhador e representatividade institucional. “É um grande desafio dar suporte à instalação de grandes empresas, principalmente, na área da qualificação profissional, pois, somente neste ano, mais de 10 mil trabalhadores passaram a atuar nas indústrias do Estado”, destacou.

Ele reforça que os dados revelam ainda que Mato Grosso do Sul está na rota das grandes empresas e isso significa que as ações em prol do desenvolvimento industrial do Estado estão dando resultado, possibilitando o fortalecimento do nosso setor cada vez mais.

“O levantamento do Radar da Fiems mostra que mais de 700 empresas do setor industrial se instalaram no Estado neste ano, com destaque para a Eldorado Brasil Celulose, que chega com a geração de 2,5 mil empregos diretos e investimento total de R$ 6,2 bilhões”, disse.

O presidente da Fiems ressalta que é importante ressaltar que essas 700 novas indústrias instaladas no Estado apenas neste ano contam com o apoio do Sistema Fiems para que consigam enfrentar a concorrência com estabelecimentos de outras regiões do País. “A indústria já lidera a economia em praticamente 18 municípios do Estado e os dados apontam que, cada vez mais, o setor vem se fortalecendo. Além disso, neste ano, por meio do Senai, foram requalificados mais de 10 mil trabalhadores para as indústrias instaladas no Estado e oferecidas mais de 30 mil vagas gratuitas em cursos de capacitação profissional em todo Mato Grosso do Sul”, informou.