Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 25 de Maio de 2022

Sidrolandia

MS está entre os oito estados com melhor distribuição de renda do país

Em 2004 havia 1.070.000 pessoas de 16 anos ou mais trabalhando, sendo que 46% possuíam trabalho formal e um índice maior, de 54% estava na informalidade.

Campo Grande News

05 de Dezembro de 2015 - 10:27

Levantamento do SIS 2015 (Síntese de Indicadores Sociais), divulgado nesta sexta-feira (4) aponta que houve melhora na distribuição de renda em Mato Grosso do Sul, nos últimos dez anos. Conforme o estudo, em 2004 o Estado estava na oitava menor posição, com índice de Gini de 0,528 (o índice é utilizado para medir o grau de concentração de renda em determinado grupo. Ele aponta a diferença entre os rendimentos dos mais pobres e dos mais ricos).

Em 2004, o Distrito Federal tinha a maior concentração e Santa Catarina, a menor taxa. Em 2014, o índice de Gini em Mato Grosso do Sul passou para 0,491, colocando o Estado entre o Distrito Federal, que ainda atesta a maior concentração de renda (0,565) e Santa Catarina, que continua com a menor taxa. O índice de Gini no país é de 0,497.

Ainda dentro do quesito Economia, a pesquisa revelou que atualmente existem no Estado 1.384.000 pessoas com alguma ocupação, na faixa etária de 16 anos  ou mais.

Desse total, 60,3% exercem trabalho formal e 39,7% estão na informalidade. Em 2004 havia 1.070.000 pessoas de 16 anos ou mais trabalhando, sendo que 46% possuíam trabalho formal e um índice maior, de 54% estava na informalidade.