Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 15 de Janeiro de 2021

Sidrolandia

Reunião entre professores e sindicato definirão rumos da greve em Dourados

A greve teve início em 15 de julho e dentre as reivindicações feitas pela categoria, há o pagamento de piso salarial de 20 horas

Midia Max

01 de Agosto de 2014 - 10:49

Nesta manhã de sexta-feira (31) o Simted (Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação) está reunido com os professores da Reme (Rede Municipal de Ensino) para repassar as informações da reunião com os vereadores e os rumos da greve da categoria em Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande.

Durante a reunião, realizada nesta quinta-feira, o Simted cobrou dos vereadores o posicionamento dos parlamentares sobre a incapacidade da Prefeitura em atender às reivindicações da categoria e colocar um fim à greve.

De acordo com o presidente do Simted, João Vanderley Azevedo, o prefeito Murilo Zauith não cumpriu com o acordo que já havia sido firmado, que estabelece a política de piso salarial de 20 horas para 2019. Enquanto a administração municipal não negociar com os professores a greve deve continuar.

A greve teve início em 15 de julho e dentre as reivindicações feitas pela categoria, há o pagamento de piso salarial de 20 horas para os integrantes do magistério e regência salarial, com adicional de 20% no salário a partir de dezembro. A categoria também cobra a inserção dos servidores administrativos no PCCR (Plano de Cargos, Carreira e Remunerações).