Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 11 de Agosto de 2022

Sidrolandia

Shows nacionais servirão de laboratório para as próximas feiras”, diz Rogério Menezes

Segundo o presidente do Sindicato Rural, Rogério Menezes, a intenção da entidade não é lucrar com os shows, mas apenas garantir uma receita suficiente para cobrir os custos.

Flávio Paes/Região News

28 de Agosto de 2015 - 10:21

Para garantir uma programação de shows com duas atrações de projeção nacional (Munhoz e Mariano, Zezé Di Camargo e Luciano) a 17ª edição da Exposição Agropecuária de Sidrolândia está exigindo investimento de R$ 465 mil, valor que inclui o cachê das duplas (inclusive das que se apresentarão nos dias de entrada franca).

Até o dia 31, os ingressos estarão sendo vendidos a R$ 25,00, mas dependendo da procura, a organização do evento admite que este valor, poderá ser elevado para R$ 30,00. Quem quiser comprar antecipado ingresso para os dois dias, pagarão R$ 40,00, ou seja, terá uma economia de R$ 10,00, em relação aos que comprar um ingresso para cada show.

Segundo o presidente do Sindicato Rural, Rogério Menezes, a intenção da entidade não é lucrar com os shows, mas apenas garantir uma receita suficiente para cobrir os custos. “Nosso interesse é nos próximos anos continuar trazendo shows com o mesmo padrão de qualidade a preços acessíveis. Esta exposição servirá de laboratório. Se houver uma resposta satisfatória em termos de público, vamos manter esta estratégia em 2016”, afirma.

As despesas com a promoção destes shows vão além do pagamento dos cachês. “Temos despesas com a montagem de dois camarins (um para os cantores e outro para banda). Para montar uma estrutura de 60 camarotes, precisamos uma estrutura de cozinha e de bar para atender o público”, argumenta.

Foto: Divulgação

Shows nacionais servirão de laboratório para as próximas feiras”, diz Rogério Menezes

Sertanejos Munhoz e Mariano e Zezé Di Camargo e Luciano serão as duas atrações nacionais a se apresentarem durante a 17ª Expo Sidrolândia.

Também é preciso incluir nesta conta o impacto da meia-entrada (o desconto de 50% garantido aos estudantes) que acaba sendo repassado ao valor do ingresso de quem não tem direito ao benefício. Os ingressos para os shows da exposição podem ser adquiridos em Sidrolândia: Lojas Florai e Ki Pão. Há postos de venda em Campo Grande, Dourados e na Conveniência Martínez em Maracajú.