Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 9 de Dezembro de 2021

Sidrolandia

Sindicato adia reunião com prefeito e marca assembleia de servidores na quarta-feira

O presidente do Sindicato, Idemar Marcos Aquino, preferiu só voltar à mesa negociação depois de realizar a assembleia com a categoria marcada às 17 horas de quarta-feira.

Flávio Paes/Região News

09 de Agosto de 2013 - 10:49

Por iniciativa do Sindicato dos Servidores Municipal foi cancelada a reunião programada para esta sexta-feira com o prefeito Ari Basso quando seria retomada a discussão sobre o aumento salarial dos funcionários da Prefeitura que tem garantido por lei o reajuste anual na data-base, que é maio.

O presidente do Sindicato, Idemar Marcos Aquino, preferiu só voltar à mesa negociação depois de realizar a assembleia com a categoria marcada às 17 horas de quarta-feira.  Ele mostra intenção de reivindicar não só a reposição inflacionária dos últimos 12 meses e mais 1% (em torno de 7,24% de aumento) mas também a de 2012, o que implicaria numa correção salarial de quase 15%.

O encontro desta sexta-feira foi agendado na terça-feira, quando o prefeito recebeu uma comissão de servidores e vereadores, que além do reajuste salarial, cobraram o pagamento de horas extras aos funcionários da Secretaria de Infraestrutura. Na segunda-feira estes funcionários fizeram uma manifestação, fechando o pátio da Secretaria e só concordando em sair para o trabalho depois de se reunirem com o prefeito.

Por enquanto o prefeito descarta a possibilidade de conceder reajuste, sob o argumento que a queda na arrecadação o forçou a promover demissões para se adequar aos limites da Lei de Responsabilidade Fiscal em relação aos gastos com pessoal, além de manter o pagamento em dia. No encontro da terça-feira acenou com a possibilidade de conceder alguma melhoria salarial apenas para o pessoal concursado.