Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 30 de Setembro de 2020

Brasil

Equipe de Bombeiros do Paraná vão ajudar a combater fogo

Equipe chegou ao Estado nesta quarta-feira (16).

Correio do Estado

16 de Setembro de 2020 - 14:06

Reforços para conter as chamas no Pantanal e no Cerrado chegaram do Paraná, nesta quarta-feira (16). Vinte e nove militares do Corpo de Bombeiros se apresentaram em Campo Grande e devem seguir para os municípios de Alcinópolis, Corumbá, Costa Rica e Ladário.

Segundo o comandante da equipe de trabalho do Paraná, tenente-coronel Ezequias de Paula Natal, outros 10 bombeiros devem chegar amanhã (17) a Mato Grosso do Sul.

A segunda força-tarefa virá com equipamentos de combate ao fogo e sete caminhões-tanque com capacidade total de armazenamento de 35 mil litros de água.

“Trouxemos especialistas em combate a incêndios florestais. Viemos com todo empenho para ajudar”, disse o tenente-coronel Natal.

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros em Mato Grosso do Sul, coronel Joilson Alves do Amaral, afirmou que o Corpo de Bombeiros de Santa Catarina também mobilizará apoio para ser enviado a Mato Grosso do Sul.

- Divulgação

“Ajudar está na nossa essência. O trabalho aqui será o mesmo. Apenas o cenário que irá mudar”, ressaltou.

Outra ajuda deverá chegar do estado de Minas Gerais. De acordo com a Semadur, o governador mineiro Romeu Zema, confirmou ao envio de um helicóptero para contribuir com o trabalho.

Dados do fogo  

Dados do Laboratório de Aplicações de Satélites Ambientais da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) apontam que 19% do Pantanal, em Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, foram queimados em 2020.

A pesquisa estima perda de 2.369 hectares de vegetação, sendo 1.614 hectares queimados no Pantanal do Mato Grosso e 751 mil hectares no Pantanal do Mato Grosso do Sul.

Segundo o chefe do Centro de Proteção Ambiental do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul, tenente-coronel Waldemir Moreira Júnior, as regiões mais preocupantes são:

-Entorno das cidades de Corumbá e Ladário - Baía Negra, Estrada Parque e Serra do Rabicho;

-Divisa de MS com MT - Serra do Amolar e Porto Jofre;

-Terra Indígena dos Kadwéus - próximo de Porto Murtinho.

O Parque Estadual das Nascentes do Taquari, nos municípios de Alcinópolis e Costa Rica, já perdeu 15 mil hectares para o fogo, o que representa 49% da área de Cerrado devastada.