Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 29 de Janeiro de 2022

Economia

Agricultora é autuada por armazenar agrotóxicos irregularmente

Campo Grande News

07 de Maio de 2011 - 11:23

Uma agricultora do município de São Gabriel do Oeste foi autuada por crime ambiental porque armazenava agrotóxicos e descartava embalagens irregularmente.

De acordo com a PMA (Polícia Militar Ambiental), responsável pela autuação, na fazenda Prudence, localizada às margens da MS-430, foram encontradas centenas de embalagens vazias espalhadas pela propriedade, muitas delas utilizadas recentemente, além de outras com agrotóxicos.

A mulher responderá por crime ambiental previsto pelo artigo 56 da Lei 9.605/98 de: “produzir, processar, embalar, importar, exportar, comercializar, fornecer, transportar, armazenar, guardar, ter em depósito ou usar produto ou substância tóxica, perigosa ou nociva à saúde humana ou ao meio ambiente, em desacordo com as exigências estabelecidas em leis ou nos seus regulamentos”.

Se condenada, a agricultora poderá pegar pena de um a quatro anos de reclusão. A PMA efetuou a apreensão dos produtos e confeccionou um auto de infração administrativo contra a proprietária da Fazenda e arbitrou multa de R$ 10 mil.