Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Segunda, 26 de Outubro de 2020

Economia

BC anuncia medidas para estimular crédito e injetar dinheiro na economia

Segundo a instituição, permitiram a liberação, entre outros fatores, a recente moderação na concessão do crédito

Folha.com

25 de Julho de 2014 - 09:19

A instituição estima liberar, por exemplo, R$ 30 bilhões com mudança na regra dos depósitos compulsórios a prazo e à vista. Compulsórios são recursos dos bancos que ficam retidos no BC e que somam hoje R$ 405 bilhões. 

Quando parte do compulsório é liberado, os bancos têm mais recursos para emprestar. O BC decidiu permitir que até 50% do recolhimento compulsório relativo a depósito a prazo sejam cumpridos com operações de crédito, na contratação de novas operações de crédito e na compra de carteiras diversificadas. 

Segundo a instituição, permitiram a liberação, entre outros fatores, a recente moderação na concessão do crédito, a inadimplência em patamares relativamente baixos e o recuo do nível de risco no sistema financeiro nacional. "O Banco Central do Brasil decidiu adotar medidas com vistas a melhorar a distribuição da liquidez na economia", diz a instituição. 

Também houve mudança na quantidade de capital que os bancos precisão ter para cobrir risco de crédito nos seus empréstimos. O cálculo deixa de ser feito de acordo com o prazo do contrato e passa a ter como base o número de parcelas que faltam ser pagas. 

O BC também mudou regras para o crédito a pequenas empresas. A exigência de capital para empréstimos a essas companhias será menor quando o total de crédito for de até R$ 1,5 milhão.