Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sexta, 12 de Abril de 2024

Economia

Gás de cozinha apresenta variação de até 31,58% entre revendas em Campo Grande

Em uma mesma marca a variação foi de 31,58% entre as revendas de gás da Capital, com aplicação de valores entre R$ 95 e R$ 125.

Kleber Clajus, Comunicação Procon/MS

23 de Fevereiro de 2024 - 15:39

Gás de cozinha apresenta variação de até 31,58% entre revendas em Campo Grande
Foto: Kleber Claju.

O valor cobrado por um botijão de gás pode apresentar variação de até 31,58% nas revendas de Campo Grande. Isso é o que revela uma pesquisa do Procon/MS (Secretaria-Executiva de Orientação e Defesa do Consumidor), instituição vinculada à Sead (Secretaria de Estado de Assistência Social e dos Direitos Humanos), que avaliou o preço de quatro marcas comercializadas por 16 empresas.

No levantamento, realizado entre os dias 16 e 21 de fevereiro, o produto pode ser encontrado por R$ 94,99 na Vila Marli e R$ 125 no Bairro Tiradentes. Em uma mesma marca a variação foi de 31,58% entre as revendas de gás da Capital, com aplicação de valores entre R$ 95 e R$ 125.

Dentre os locais pesquisados, somente seis informaram cobrar uma taxa de entrega, calculada com base na distância a ser percorrida até o cliente. Nesse caso, os preços vão de R$ 5 a R$ 10.

Para o secretário-executivo do Procon/MS, Angelo Motti, as pesquisas reforçam o suporte da instituição ao consumidor na busca do melhor preço, qualidade e legalidade na aquisição de produtos, como é o caso do gás de cozinha. “Esse é um subsídio útil na hora de decidir onde adquirir um produto ou serviço”, ressalta.

A pesquisa completa pode ser acessada no site do Procon/MS.