Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Domingo, 18 de Abril de 2021

Economia

Índice de famílias endividadas volta a cair em Mato Grosso do Sul

Quanto aos meios de endividamento, 59,5% apontam o cartão de crédito; 33,5% os carnês; 13,2% financiamentos de carros e 12,2% o crédito pessoal

Correio do Estado

28 de Outubro de 2014 - 07:16

O índice de famílias endividadas com contas parceladas voltou a cair no mês de outubro, em Mato Grosso do Sul, segundo a pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). De 70%, o índice de famílias comprometidas com dívidas como: cheques pré-datados, cartões de crédito, carnês de lojas, empréstimo pessoal, prestações de carro e seguros, passou a 69,3%.

“Outro dado que nos anima é a redução dos indicadores de inadimplência. De 31,5%, o índice de famílias com contas em atraso caiu a 30,5% e o índice das que dizem que não terão condições de pagar as contas caiu de 14,1% a 12,4%”, avalia o presidente da Fecomércio MS, Edison Araújo.

Um movimento de organização financeira que, na visão do presidente da Fecomércio MS, pode refletir o planejamento das famílias já com vistas às compras de fim de ano. Quanto aos meios de endividamento, 59,5% apontam o cartão de crédito; 33,5% os carnês; 13,2% financiamentos de carros e 12,2% o crédito pessoal.