Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 25 de Novembro de 2020

Esporte

Hamilton tem problemas e Rosberg "herda" pole na Hungria; Massa é 6º

Sem grandes dificuldades, o líder do Mundial cravou a pole position em Hungaroring, no treino classificatório realizado neste sábado

Uol

26 de Julho de 2014 - 10:53

O azar parece perseguir Lewis Hamilton. Pela segunda vez seguida, o piloto britânico teve problemas no Q1 e vai largar na penúltima posição no GP da Hungria. Melhor para Nico Rosberg, seu companheiro de equipe na Mercedes.

Sem grandes dificuldades, o líder do Mundial cravou a pole position em Hungaroring, no treino classificatório realizado neste sábado. Felipe Massa ficou em 6º e, mais uma vez, perdeu a disputa para Valtteri Bottas. O finlandês sai em terceiro, atrás da Red Bull de Sebastian Vettel.

Esta é a sexta vez neste ano na qual Rosberg larga na frente, a terceira consecutiva. Com a necessidade de Hamilton fazer uma corrida de recuperação, o alemão tem grandes chances de ampliar sua vantagem na ponta do Mundial – hoje, ele tem 190 pontos, 14 a mais do que seu companheiro de equipe.

Assim como no treino de classificação para o GP da Alemanha, no último sábado, Hamilton teve problemas no Q1. Desta vez, a Mercedes do britânico pegou fogo na parte traseira – segundo a equipe, houve vazamento de combustível. Como não completou sequer uma volta rápida, ele larga em 21º. No sábado passado, Hamilton bateu forte durante o Q1 e saiu na 15ª posição em Hockenheim.

A frustração de Hamilton por abandonar o classificatório tão cedo é ainda maior pelo desempenho dele nos treinos livres em Hungaroring. Nas três sessões, o britânico foi o mais rápido e despontava como o favorito para ficar com a pole position.

Outra surpresa no Q1 foi a eliminação de Kimi Räikkönen. O piloto da Ferrari fez o tempo de 1min26s792, insuficiente para passar à etapa seguinte, e larga em 17º. O finlandês ficou atrás até da Marussia de Jules Bianchi. O Q2 não apresentou surpresas. Ema sua última tentativa de se classificar para o Q3, Daniil Kvyat perdeu o controle de sua Toro Rosso, rodou e acabou eliminado.

A chuva deu as caras no circuito húngaro pouco antes do início do Q3. O resultado: todo mundo saiu dos boxes logo cedo para tentar uma volta rápida. A pista escorregadia quase estragou os planos de Rosberg, que controlou seu carro após sair do traçado no fim da reta. Já Kevin Magnussen não conseguiu, bateu sua McLaren na proteção de pneus e o treino foi interrompido a dez minutos do fim.

Como a chuva parou logo, o treino foi retomado poucos minutos depois, com os pilotos usando pneus para pista seca. Rosberg confirmou seu favoritismo e, com o tempo de 1min22s715, cravou a pole position.

O GP da Hungria será disputado neste domingo a partir das 9h (horário de Brasília), com transmissão ao vivo da TV Globo e acompanhamento do Placar UOL Esporte.

Veja o grid de largada para o GP da Hungria:

1. Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – 1min22s715

2. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) – 1min23s701

3. Valtteri Bottas (FIN/Williams) - 1min23s354

4. Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull) - 1min23s391

5. Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - 1min23s909

6. Felipe Massa (BRA/Williams) - 1min24s223

7. Jenson Button (ING/McLaren) - 1min24s294

8. Jean-Éric Vergne (FRA/Toro Rosso) - 1min24s720

9. Nico Hulkenberg (ALE/Force India) - 1min24s775

10. Kevin Magnussen (DIN/McLaren) – sem tempo no Q3

Eliminados no Q2:

11. Daniil Kvyat (RUS/Toro Rosso) – 1min24s706

12. Adrian Sutil (ALE/Sauber) – 1min25s136

13. Sergio Pérez (MEX/Force India) – 1min25s211

14. Esteban Gutiérrez (MEX/Sauber) – 1min25s260

15. Romain Grosjean (FRA/Lotus) – 1min25s337

16. Jules Bianchi (FRA/Marussia) – 1min27s419

Eliminados no Q1:

17. Kimi Räikkönen (FIN/Ferrari) - 1min26s792

18. Kamui Kobayashi (JAP/Caterham) – 1min27s139

19. Max Chilton (ING/Marussia) – 1min27s819

20. Marcus Ericsson (SUE/Caterham) – 1min28s643

21. Lewis Hamilton (ING/Mercedes) – sem tempo

22. Pastor Maldonado (VEN/Lotus) – sem tempo