Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quarta, 21 de Fevereiro de 2024

Gastronomia

Aprenda duas receitas com a polêmica uva-passa

Preta ou branca, a uva-passa não pode faltar na ceia natalina; saiba o que diz a nutricionista Fernanda Larrea sobre a fruta ressecada e aprenda a receita de dois pratos deliciosos para o banquete

Correio do Estado

10 de Dezembro de 2022 - 10:54

Aprenda duas receitas com a polêmica uva-passa
A uva-passa era símbolo de fartura na Roma antiga e atualmente é muito apreciada por sua versatilidade e por suas propriedades nutricionais - Fotos: Divulgação.

A uva-passa é um ingrediente que pode ser utilizado no preparo de receitas doces e salgadas. Mas mesmo com toda a sua versatilidade, com a chegada das festas de fim de ano, surge a inevitável discussão: utilizar ou não a fruta seca na ceia natalina?

Em defesa da uva-passa, a nutricionista Fernanda Larrea, que atua no programa de prevenção nutricional da Cassems, explica que o ingrediente é responsável por trazer o sabor agridoce para as receitas de Natal.

“A uva-passa nada mais é do que uma fruta ressecada, e como a ceia é normalmente uma alimentação mais agridoce, muitas receitas incluem as uvas-passas para trazer esse sabor adocicado aos pratos”, destaca a nutricionista.

Se na Roma antiga o ingrediente simbolizava fartura, atualmente a uva-passa é reconhecida por ser um excelente antioxidante e ter uma grande concentração de vitaminas A e do complexo B.

“Ajuda na prevenção do envelhecimento precoce celular, ajuda a prevenir câncer e tem um alto teor de fibras. Mas atenção, é um alimento calórico”, ressalta Fernanda.

Para não exagerar, ela indica onde não usar o ingrediente.

“É recomendável evitar acrescentar uva-passa na farofa, que tem um alto valor calórico e de carboidrato. Normalmente, a farofa tem algum tipo de carne, algum embutido e mais a manteiga para fazer. Então, caloricamente, a farofa já é bem pesada. E a uva-passa tem um alto valor calórico”, alerta a nutricionista.

FAZ BEM

Para quem ainda não tem o hábito de comer uvas-passas, Fernanda Larrea ressalta alguns benefícios de incluir o ingrediente na rotina alimentar. “Para pacientes que têm intestino mais preguiçoso, a gente usa como estratégia alimentar nutricional, indicando acrescentar no iogurte”, afirma a especialista.

“A gente pode acrescentar ela junto com uma granola, para comer com frutas ou em cima de um mamão. Então, ela é muito versátil para ser utilizada no café da manhã ou em um lanche da tarde, porque seu uso é muito prático”, explica a colaboradora da Cassems.

Fernanda ressalta que a uva-passa pode, inclusive, substituir ingredientes como o açúcar no preparo de bolos.

“Ela pode ser utilizada para adoçar. Então, quando retiramos o açúcar de um bolo, de uma panqueca, podemos colocar a uva-passa no preparo da receita e triturar ela com a massa”, orienta.

“Se você quiser, pode deixá-la de molho, para ela dar uma inchada maior, e aí bater com os ovos e o óleo de coco para ela adoçar a massa em si”, complementa a nutricionista.

CEIA SAUDÁVEL

Falando em ceia, Fernanda Larrea dá dicas de como aproveitar bem a ceia de Natal sem exagerar na alimentação.

A primeira delas é optar por pratos realmente natalinos, incluindo saladas, legumes e proteínas magras, a exemplo do chester, do peru ou até da carne de porco – sem pele e sem gordura.

“O carboidrato não é o prato principal, realmente o prato principal da ceia é a proteína; ela, a gente pode comer tranquilamente. E se vai aproveitar a ceia de Natal, durante todo o dia, faça uma alimentação leve e deixe para a ceia ser a refeição de alto valor calórico”, recomenda a nutricionista.

Agora, ao trabalho e bom apetite!

Arroz de Natal light com chester, frutas secas e goji berry

Aprenda duas receitas com a polêmica uva-passa


Ingredientes:

  • 600 a 700 gramas de arroz cozido;
  • 20 ml de azeite de oliva;
  • 20 gramas de alho batido (ou a gosto);
  • Sal a gosto;
  • 80 gramas de chester em cubos;
  • Salsinha muito bem picada;
  • 10 gramas de uvas-passas pretas sem caroço;
  • 10 gramas de uvas-passas brancas sem caroço;
  • 30 gramas de cebola;
  • ½ pimentão vermelho (ou 30 gramas);
  • ½ pimentão amarelo (ou 30 gramas);
  • 20 ml de vinho branco;
  • 1 litro de caldo de legumes;
  • 30 gramas de goji berry;
  • 10 gramas de tâmaras para decorar;
  • 10 gramas de damascos para decorar;
  • 10 gramas de nozes para decorar.

Modo de Preparo:

Em uma frigideira, refogue no azeite a cebola, o alho e os pimentões. Acrescente o vinho branco para puxar o sabor e, depois de suar, inclua o chester e as uvas-passas brancas e pretas, colocando também o caldo de legumes para não ressecar.

Deixe no fogo até refogar e inclua, em seguida, o arroz já cozido. Misture tudo para agregar os sabores e os ingredientes. Coloque em uma travessa e decore com frutas típicas natalinas, como tâmaras e damascos, e também com nozes.

Bolo de Natal

Aprenda duas receitas com a polêmica uva-passa
A margarina do seu bolo com uvas-passas e frutas secas pode ser substituída por manteiga sem sal

A margarina do seu bolo com uvas-passas e frutas secas pode ser substituída por manteiga sem sal

Ingredientes:

  • 1 colher (sopa) de adoçante tipo granular;
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó;
  • ½ xícara (chá) de coco ralado sem açúcar;
  • ½ xícara (chá) de margarina light;
  • ½ xícara (chá) de leite desnatado;
  • 2 xícaras (chá) de farinha de trigo;
  • 1 xícara (chá) de leite de coco light;
  • 1 xícara (chá) de uvas-passas;
  • 1 xícara (chá) de frutas secas;
  • 4 ovos.

Modo de Preparo:

Ligue o forno em temperatura média (180ºC). Coloque as gemas, a margarina light e o fermento em uma batedeira e bata até obter um creme.

Acrescente o adoçante, o leite desnatado e o leite de coco, alternando 
com a farinha de trigo entre cada item. Bata até ficar uma massa homogênea.

Desligue a batedeira e acrescente as uvas-passas, as frutas secas e o coco ralado. Reserve. Limpe a batedeira e seque-a bem. Acrescente as claras e bata até o ponto de neve.

Acrescente as claras à massa reservada e misture bem, delicadamente.

Unte uma forma com furo no meio com manteiga sem sal e farinha e acrescente a massa. Leve o bolo ao forno preaquecido e deixe assar por cerca de 55 minutos ou até ficar pronto.

Para verificar se o bolo está assado, espete um palito na massa. Se sair limpo, está pronto. Retire o bolo do forno, espere esfriar e sirva a seguir.