Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Quinta, 21 de Outubro de 2021

Policial

Acusada de matar menina de 15 anos recorre ao TJ para sair da prisão

A vítima tomava tereré no cruzamento das ruas Iriá e Bartira, perto da comunidade São Benedito, quando foi assassinada.

Campo Grande News

06 de Abril de 2011 - 14:35

Após ter a liberdade negada em primeira instância, Daniela Araújo Nery, 18 anos, assassina confessa de Bruna Caroline Pereira da Silva, 15 anos, agora recorre ao TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) para sair da prisão.

A defesa dela ingressou com pedido de habeas corpus no último dia 1º. A solicitação está sob análise do desembargador Manoel Mendes Carli , relator do pedido.

Daniela matou Bruna a tiros no dia 27 de janeiro deste ano, em Campo Grande. Ela alegou que era ameaçada pela adolescente.

A vítima tomava tereré no cruzamento das ruas Iriá e Bartira, perto da comunidade São Benedito, quando foi assassinada.

Segundo a versão de Daniela à Polícia Civil, Bruna era conhecida no bairro por comandar uma gangue e por fazer pichação de muros e causar constantes brigas.