Logomarca

Um jornal a serviço do MS. Desde 2007 | Sábado, 23 de Outubro de 2021

Policial

Mesmo baleada, vítima toma revólver e mata garoto durante roubo

A arma usada pelos bandidos no crime, um revolver calibre 38 não foi encontrado, de acordo com a PM. Uma das crianças presenciou a cena de violência

Campo Grande News

02 de Abril de 2011 - 10:43

Durante um roubo em conveniência no bairro Nova Lima, o assaltante André Luiz do Espírito Santo, 17 anos, foi morto com um tiro na cabeça, disparado por uma das vítimas que, após ter sido baleada, tomou o revólver do bandido. O comparsa, um adolescente também de 17 anos, foi apreendido pela PM (Polícia Militar).

O crime ocorreu na rua Marquês de Herval, uma das principais vias do bairro. De acordo com informações apuradas pela Polícia, o estabelecimento pertence a uma família que mora no local. Por volta das 20h30, a loja já estava fechada e uma das vítimas, um adolescente de 17 anos, saiu para conversar com um conhecido. Foi quando os bandidos aproveitaram a distração, entraram e se esconderam dentro de um banheiro.

Quando o jovem voltou foi rendido pela dupla juntamente com o proprietário do local, um homem de 47 anos. Os dois foram amarrados com cadarços. Os bandidos recolheram R$ 1200 da conveniência e as chaves de uma caminhonete.

Uma mulher de 27 anos, terceira vítima, observava toda a ação dos adolescentes de dentro da casa, que fica aos fundos do estabelecimento. Em determinado momento ela saiu e foi rendida por André, que apontou a arma e pediu jóias. Ela disse que não as daria e, de acordo com relatos das vítimas à Polícia, o assaltante disse que levaria duas crianças, de 6 e 13 anos, que estavam no local.

Diante da ameaça, a mulher investiu contra André enquanto as outras vítimas conseguiram se soltar. Enquanto o homem de 47 anos começou a lutar com o comparsa, o jovem foi em auxílio da mulher e acabou levando 2 tiros. Mesmo baleado, de acordo com a Polícia, tomou a arma de André, atirou contra ele e deu duas coronhadas no comparsa, que acabou segurado pelas vítimas até a chegada da PM.

Equipe do Samu (Serviço Móvel de Urgência) socorreram o adolescente. Um dos tiros atingiu as costas dele. O estado de saúde não aparentava ser grave, de acordo com a Polícia.

A arma usada pelos bandidos no crime, um revolver calibre 38 não foi encontrado, de acordo com a PM. Uma das crianças presenciou a cena de violência.